PUBLICIDADE
Topo

Dubai se prepara para receber a Expo 2020 com pavilhões de 191 países

O centro com os mais de 200 pavilhões da Expo 2020 em Dubai - Divulgação
O centro com os mais de 200 pavilhões da Expo 2020 em Dubai Imagem: Divulgação

De Nossa

28/09/2021 14h40

Em 1º de outubro, Dubai abre as portas da Expo 2020 para milhões de pessoas do mundo com um ano de atraso devido à pandemia da covid-19.

O tema desta edição da mostra internacional é "Connecting Minds and Creating the Future" (Conectando Mentes e Criando o Futuro, em tradução livre) e os mais de 200 pavilhões na programação estão alinhados e divididos em três pilares: sustentabilidade, mobilidade e oportunidade.

Cada um dos pavilhões traz conteúdos de destaque de 191 países, além de outros criados especialmente para celebrar o tema nos próximos meses. A Exposição Universal terá em sua programação até 31 de março de 2022 mais de 60 eventos diários.

Entre eles estão práticas de esporte e/ou atividades de bem-estar ao ar livre, shows, espetáculos teatrais, instalações de arte, workshops, palestras, apresentações de dança, festivais, desfiles, conferências de negócios e diversas experiências gastronômicas nos mais de 200 restaurantes no local.

As atrações devem ter as características superlativas e futurísticas que já são a cara de Dubai como, por exemplo, uma banda de robôs que apresentará as obras de Beethoven.

O pavilhão dos Emirados Árabes Unidos na Expo 2020 com design do espanhol Santiago Calatrava - Divulgação - Divulgação
O pavilhão dos Emirados Árabes Unidos na Expo 2020 com design do espanhol Santiago Calatrava
Imagem: Divulgação

O evento vai destacar os laços culturais e estéticos entre o mundo hispânico e árabe - Divulgação - Divulgação
O evento vai destacar os laços culturais e estéticos entre o mundo hispânico e árabe
Imagem: Divulgação

A arquitetura e o design também devem impressionar — só o pavilhão dedicado aos Emirados Árabes Únidos forma um falcão nos ares, um design exclusivo do arquiteto espanhol Santiago Calatrava, enquanto haverá ainda uma escultura em 3D animada representando um equinócio criada pelo britânico Mat Collishaw em outro dos pavilhões.

O pavilhão brasileiro da Expo 2020 está localizado na área dedicada à sustentabilidade e deve recriar a bacia do rio Amazonas para discutir o tema através de mostras e palestras. Haverá ainda na área um restaurante, um café e uma loja de lembrancinhas do evento.

Um ingresso diário custa US$ 27,43 (cerca de R$ 149, em cotação de hoje), mas é possível adquirir o passe para acompanhar a Expo todos os dias durante o mês de outubro pelo mesmo valor como parte da promoção especial da abertura da programação. Há ainda outras opções mais caras de entradas que oferecem serviços VIP durante a Exposição Universal, como lounge, concierge e acesso prioritário aos eventos de negócios.