PUBLICIDADE
Topo

Você trocaria um ano de sexo por volta a viagens? 38% dos americanos sim

Viajar é saudade geral e meio à pandemia - Thomas Barwick/Getty Images
Viajar é saudade geral e meio à pandemia Imagem: Thomas Barwick/Getty Images

De Nossa

19/02/2021 15h53

Uma pesquisa realizada pelo site de hospedagem Trivago entrevistou 2.000 adultos dos EUA e do Reino Unido para saber como estão os planos de viagem para 2021.

Para entender o quão "desesperado" o grupo estava para conhecer outras cidades e voltar a circular pelo mundo, a Trivago perguntou se eles ficariam um ano sem transar para poder voltar a viajar agora. O que você responderia?

Entre os americanos, 38% disseram que sim, fariam essa troca. Um em cada cinco entrevistados disse ainda que desistiria até de seu parceiro — haja saudade!

Outros assumiram que abririam mão da fonte de renda: 25% disseram que deixariam todas as suas economias para trás e 48% dos americanos que desistiriam de seus empregos.

A maioria das pessoas pesquisadas (80%) disse ainda que viajar faz parte de uma vida equilibrada e que essa restrição está entre as piores partes da pandemia.

Apesar de barreiras como fechamento de fronteiras ou necessidade de quarentena, sites de busca de viagens, como o Skyscanner, relataram enormes picos de tráfego quando as notícias sobre as vacinas surgiram.

Enquanto não dá para matar a vontade com tranquilidade, o jeito é imaginar e preparar o bolso para quando tudo retornar.