PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Mauro: Atlético-MG é time em construção, mas tem o tempo que outros não têm

Do UOL, em São Paulo

23/09/2020 04h00

O Atlético-MG lidera o Campeonato Brasileiro após a vitória diante do Atlético-GO no último fim de semana e, diferentemente dos outros cinco clubes que ocupam as primeiras seis posições da competição, é o único que tem apenas o nacional para disputar, enquanto os demais dividem suas atenções com Libertadores, Copa do Brasil e Copa Sul-Americana.

No podcast Posse de Bola #58, Mauro Cezar Pereira afirma que, mesmo que por incompetência do próprio time antes da chegada de Jorge Sampaoli, o clube mineiro leva a vantagem de ter o tempo livre para trabalhar e que o treinador argentino poderá aproveitar a ausência nas copas para melhorar os aspectos nos quais sua equipe ainda apresenta falhas.

"Sampaoli tem uma vantagem sobre os outros que ele tem semanas livres, o Atlético-GO, por exemplo, jogou no meio de semana com o Fluminense no Rio. Sampaoli ficou quietinho lá em Vespasiano treinando no CT do Atlético-MG. Agora ele vai jogar contra o Grêmio em Belo Horizonte, o Grêmio tem o Gre-Nal no meio de semana e o Atlético-MG não vai jogar nada, porque o Atlético-MG foi eliminado antes da chegada do Sampaoli da Sul-Americana e da Copa do Brasil. Ele não tem culpa nenhuma nisso, mas ele tem uma vantagem muito grande", diz Mauro Cezar.

Mauro cita como exemplo a vitória do Atlético-MG sobre o Atlético-GO no último sábado para apontar a vantagem física que o time de Sampaoli teve diante do treinado por Vagner Mancini.

"Você vê uma parte final do jogo da noite de sábado entre Atlético-MG e Atlético-GO, o Atlético-MG estava mais inteiro. Teve força para buscar a reação, isso é muito importante, a questão física também. Além de ter tempo para treinar, aprimorar o jogo da equipe, o time está mais inteiro, então em uma hora em que esse aspecto acaba pesando, um jogo muito parelho, cheio de gols, placar bailarino e essa coisa toda, acaba sendo uma vantagem você disputar só uma competição, pela incompetência do próprio clube, mas aí sem a participação do técnico", afirma o jornalista.

Treinado atualmente pelo técnico que Mauro Cezar considera o melhor em atividade no país, o líder do Brasileirão apresentou problemas no jogo com o time goianiense, mas que com tempo para treinar e Sampaoli, o jornalista acredita que as falhas podem ser superadas.

"Nas mãos de um técnico ruim, essa semana livre talvez não adiante nada, mas nas mãos de um bom técnico, que é o caso do Jorge Sampaoli, talvez o melhor técnico em atividade no país no momento, isso pesa muito. Agora, o Atlético-MG ainda tem problemas, um desses problemas é tomar três gols do Atlético-GO. Quer ser campeão tomando três gols do Atlético-GO, não dá", diz Mauro.

"O próprio técnico falou isso depois do jogo, é um time em construção ainda. E ele terá um tempo para construir que os outros não têm. O [Eduardo] Coudet, por exemplo, que perdeu a liderança, não tem. Divide a atenção e, queira ou não, claro que atrapalha", conclui

Posse de Bola: Quando e onde ouvir?

A gravação do Posse de Bola está marcada para segundas e sextas-feiras às 9h, sempre com transmissão ao vivo pela home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte nas redes sociais (YouTube, Facebook e Twitter). A partir de meio-dia, o Posse de Bola estará disponível nos principais agregadores de podcasts.

Você pode ouvir o Posse de Bola em seu tocador favorito, quando quiser e na hora que quiser. O Posse de Bola está disponível no Spotify e na Apple Podcasts, no Google Podcasts e no Castbox . Basta buscar o nome do programa e dar play no episódio desejado. No caso do Posse de Bola, é possível ainda ouvir via página oficial do UOL e YouTube do UOL. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

Futebol