PUBLICIDADE
Topo

São Paulo

Muricy elogia Ceni e vê mudança de treinador 'na hora certa'

Esporte News Mundo (redacao@esportenewsmundo.com.br)

14/10/2021 01h50

O coordenador de futebol do São Paulo, Muricy Ramalho, falou com exclusividade ao Esporte News Mundo nesta quarta-feira, 13. O ex-técnico deixava o estádio do Morumbi após acompanhar a primeira atividade comandada por Rogério Ceni em seu retorno quatro anos após a primeira passagem como treinador do clube paulista.

Porém, mais do que a chegada de um ídolo do clube, o que realmente gerou muita repercussão entre os torcedores foi a demissão de Hernán Crespo. Enquanto muitos cobravam mais do treinador, alguns torcedores esperavam uma atitude diferente da diretoria são-paulina. Para Muricy Ramalho, a saída do argentino ocorreu por conta dos resultados e foi feita na hora certa.

"O problema no futebol é resultado. Tem momentos em que o técnico não consegue mais, a gente tem que mudar. Isso não quer dizer que o Crespo não seja um grande treinador e uma grande pessoa, mas existem momentos no futebol que você tem que tomar decisões e a gente tomou a decisão. Eu acho que a gente fez na hora certa e trouxemos um treinador, que além de conhecer o clube, é um treinador que trabalha muito, e isso pra gente é fundamental", comentou o coordenador.

A chegada de Rogério Ceni revive uma grande dupla no São Paulo, como dito por Muricy, que trabalha muito, seguindo uma filosofia amplamente propagada pelo ex-treinador em sua celebre frase: "Aqui é trabalho". Rogério foi o capitão das equipes campeãs do atual coordenador de futebol do São Paulo.

"É muito legal estar ao lado dele (Rogério Ceni). É um cara que é um técnico da nova geração, um técnico muito moderno, um técnico que já tem títulos, que é importante. Então eu acho que ele tem tudo pra fazer um grande trabalho aqui", disse.

A grande preocupação no São Paulo, além dos resultados, é o desempenho do time.

"O que a gente quer é que o time volte a jogar bem. Já há algum tempo a gente não joga bem, a gente tem bons jogadores. A gente sentiu bastante depois do Campeonato Paulista, então a gente quer que o time volte a jogar bem", concluiu.

São Paulo