PUBLICIDADE
Topo

UOL Esporte vê TV

Neto detona VAR em Argentina x Brasil e solta palavrão ao vivo

Neto, no Os Donos da Bola, da TV Band - Reprodução/TV Band
Neto, no Os Donos da Bola, da TV Band Imagem: Reprodução/TV Band

Colaboração para o UOL, em São Paulo

17/11/2021 13h53

O apresentador e comentarista Neto, da TV Band, detonou o uso do VAR no empate sem gols entre Brasil e Argentina, ontem (16), pelas Eliminatórias Sul-Americanas. O ex-jogador se revoltou com os áudios divulgados pela Conmebol após o jogo, que mostram que o lance da cotovelada de Otamendi em Raphinha, que deixou o brasileiro sangrando, foi interpretado como "força mediana".

Neto chamou de vergonhosa a atuação da arbitragem como um todo, ponderando que os argentinos tentaram intimidar a seleção brasileira várias vezes com lances mais duros. O apresentador ainda soltou um palavrão ao vivo para se referir ao árbitro Andrés Cunha, que apitou o jogo de ontem.

"Como é vergonhoso, como é ruim, como é chato esse futebol sul-americano. Isso desde quando eu e o Velloso jogávamos a Copa América. Cambada de vagabundos, cambada de safados, cambada de ordinários. Vocês não merecem estar apitando jogo. VAR desqualificando as pessoas", disse Neto, na edição de hoje de "Os Donos da Bola".

"Cambada de zé ruelas, desgraçados. Na verdade, o Tite tinha que ter o Felipe Melo na seleção brasileira. Não é possível. E a seleção jogou bem. Foi legal: Fabinho, Fred, Paquetá. Jogou muito bem. Acho que foi o melhor jogo da seleção (...) Oh, Andrés [Cunha], você é uma titica, para não falar que é um mer**. Você não precisa do VAR. E quando o VAR fala que a intensidade é média, que não é para cartão vermelho, é para amarelo?", continuou.

As críticas de Neto também recaíram na comissão técnica da seleção brasileira que, de acordo com o apresentador, nada fez para defender os jogadores brasileiros durante a partida.

"Uma vergonha. Aí, a gente tem o VAR. O cara teve a intenção de machucar o menino. Se pega no dente, quebra. Isso é brincadeira. E ninguém da comissão técnica falou nada. Ninguém brigou pelos caras. Deixar aquele Otamendi, que é um bandido, vagabundo, desgranhento dar uma cotovelada daquele jeito?", esbravejou Neto.

UOL Esporte vê TV