PUBLICIDADE
Topo

Basquete

Campeões da NBA, Bucks visitam Casa Branca e encerram boicote da era Trump

Jogadores do Milwaukee Bucks posam com Joe Biden, presidente dos EUA - AFP
Jogadores do Milwaukee Bucks posam com Joe Biden, presidente dos EUA Imagem: AFP

Do UOL, em São Paulo

08/11/2021 19h09

Pela primeira vez em cinco anos, o campeão da NBA voltou à Casa Branca. O Milwaukee Bucks, que ficou com o título da principal liga de basquete do mundo na temporada 2020-21, visitou a sede oficial do poder executivo dos Estados Unidos hoje e encerrou o boicote da era Donald Trump.

Nesta segunda-feira, Giannis Antetokounmpo e cia. foram recebidos por Joe Biden e seus assessores na Casa Branca. Os jogadores posaram ao lado do presidente dos EUA na visita.

Duas vezes MVP da NBA, Giannis celebrou a oportunidade de visitar a Casa Branca em seu discurso. "Para todos aí, esse é um grande exemplo de que com trabalho duro, com sacrifícios, se você se dedicar, acordar e tentar ser o melhor no que faz todos os dias e acreditar nos seus sonhos, você pode alcançar grandes coisas na vida", disse o grego.

"Fiz isso a minha vida e estou na Casa Branca. Isso é demais. Não podemos dar essas coisas como certo, mas sem trabalho duro isso não seria possível", acrescentou.

Joe Biden ainda foi presenteado com uma camisa do Milwaukee Bucks com o seu nome e o número 46 (ele é o 46º presidente da história dos EUA).

A última franquia campeã da NBA a visitar a Casa Branca havia sido o Cleveland Cavaliers, em 2016, quando Barack Obama ainda era o presidente dos EUA. Nos anos seguintes, as equipes interromperam a tradição em boicote ao governo de Donald Trump.

Basquete