PUBLICIDADE
Topo

UOL Esporte vê TV

Sormani diz que Ceni é inflexível com Gabigol: 'Pode irritá-lo'

Gabigol cumprimenta o técnico Rogério Ceni após marcar gol pelo Flamengo contra o Vasco - Thiago Ribeiro/Thiago Ribeiro/AGIF
Gabigol cumprimenta o técnico Rogério Ceni após marcar gol pelo Flamengo contra o Vasco Imagem: Thiago Ribeiro/Thiago Ribeiro/AGIF

Colaboração para o UOL, em São Paulo

05/02/2021 14h57

Após Gabigol se mostrar insatisfeito ao ser substituído no segundo tempo da vitória do Flamengo por 2 a 0 sobre o Vasco, pelo Campeonato Brasileiro, o comentarista Fabio Sormani avaliou que o treinador Rogério Ceni tem sido inflexível com o atacante - o que poderia irritá-lo.

Na opinião de Sormani, Ceni deveria demonstrar sensibilidade na situação para não permitir que, irritado, Gabigol atue abaixo de seu potencial - o que poderia trazer grandes prejuízos ao Flamengo.

"Para ser campeão, (o Flamengo) precisa do Gabriel. Se começar a deixá-lo irritado e infeliz, ele pode não render o que rende. Tem que saber administrar essa situação. Pode deixar o Gabigol um jogo todo, tem que manter ele feliz, ser mais flexível", opinou Sormani em participação no BB Debate, da ESPN Brasil, hoje.

Para Felippe Facincani, também presente na atração, quem mais sai perdendo com toda a polêmica é o próprio Gabigol. O jornalista entende que o atacante flamenguista poderia provar seu ponto - de que deve ficar em campo até o fim dos jogos - em silêncio.

"A atitude do Gabriel só joga contra ele, por mais que o técnico seja birrento. Tem momentos em que, se você é esperto, você engole o sapo e prova que o errado é o treinador e não você mesmo por estourar toda hora. Na hora certa, aparece o momento de ele provar. Ele tem que ter essa maturidade de parar de chutar copinho. Sai de cabeça baixa tranquilo. No treino, chama o treinador, o Pedro, ele não é líder de elenco?", complementou.

UOL Esporte vê TV