PUBLICIDADE
Topo

UOL Esporte vê TV

Florida Cup processa Band e pede R$ 610 mil por quebra de contrato

Felipe Melo, do Palmeiras, levanta a taça da Flórida Cup de 2020 dentro do avião na volta ao Brasil - Cesar Greco/Palmeiras
Felipe Melo, do Palmeiras, levanta a taça da Flórida Cup de 2020 dentro do avião na volta ao Brasil Imagem: Cesar Greco/Palmeiras

Gabriel Vaquer

Colaboração para o UOL em Aracaju (SE)

30/01/2021 04h00

A Florida Cup, torneio de pré-temporada realizado nos Estados Unidos que conta sempre com equipes brasileiras, está processando a Band por quebra de contrato. A organização do campeonato alega que a emissora não cumpriu acordos para exibir partidas do torneio em 2020, que teve a participação de Palmeiras e Corinthians. O fato teria causado prejuízos ao torneio.

O UOL Esporte teve acesso ao processo, movido na 30ª Vara Cível do Tribunal de Justiça de São Paulo em dezembro do ano passado. A indenização pedida é de R$ 610 mil, equivalente a cotas de patrocínio que seriam vendidas pela Band. O valor arrecadado seria dividido entre a Flórida Cup e a emissora paulista.

A organização do torneio alega que a Band e o seu departamento comercial não venderam as cotas e alegam que a emissora não avisou em tempo hábil o evento sobre a situação para que uma saída pudesse ser tomada — como procurar um novo canal de televisão para exibição dos jogos. Os jogos ficaram restritos ao SporTV, o que diminuiu a exposição do campeonato.

A Justiça tentou uma reconciliação em janeiro, sem êxito. Ainda não há previsão de julgamento em primeira instância.

Procurada, a Band não se pronunciou. A reportagem também tentou contato com a organização da Flórida Cup, sem sucesso.

UOL Esporte vê TV