PUBLICIDADE
Topo

UOL Esporte vê TV

Disney, Warner e Band disputam transmissão do Italiano; Globo está fora

Ibrahimovic comemora gol do Milan contra o Bologna, pelo Campeonato Italiano - MIGUEL MEDINA / AFP
Ibrahimovic comemora gol do Milan contra o Bologna, pelo Campeonato Italiano Imagem: MIGUEL MEDINA / AFP

Gabriel Vaquer

Do UOL, em Aracaju

19/01/2021 04h00

A Federação Italiana de Futebol (FIGC) fechou, na última segunda-feira (11), a licitação dos direitos internacionais de transmissão do Campeonato Italiano em todo o mundo, a partir da temporada 2021/2022. Um total de 54 emissoras de televisão e 14 agências de comunicação e marketing, que podem revender os jogos da primeira divisão italiana, fizeram proposta, segundo a FIGC. No Brasil, há uma disputa entre Disney, WarnerMedia e Band. O Grupo Globo está fora da disputa.

A reportagem do UOL Esporte apurou que as três empresas fizeram proposta direta para adquirir o torneio. Warner e Band já possuem contratos até o fim da temporada 2020/2021, junto com o Grupo Globo, que preferiu ficar de fora. Além do fator financeiro, a Série A Italiana considera plano de cobertura e exposição do produto nas próximas temporadas para tomar uma decisão.

Quem vencer poderá mostrar, além do Campeonato Italiano, a Copa da Itália e a Supercopa da Itália, que coloca frente a frente o campeão nacional e o vencedor da Copa. Se todas as exigências forem atendidas, a liga italiana anunciará os vencedores em fevereiro.

A Disney trata o Italiano como prioridade: a ESPN exibia o torneio até 2018 e trata a volta da Série A como passo importante dentro do novo projeto esportivo da empresa, após a aprovação da fusão entre ESPN e Fox Sports. WarnerMedia e Band apostam na manutenção do trabalho realizado. Por streaming, a WarnerMedia exibe nove jogos por rodada. Na TV, mostra um, pela TNT. A Band exibe dois jogos em TV aberta e outros dois na TV por assinatura (Bandsports).

Procuradas para comentar o assunto, Disney, WarnerMedia e Band não se manifestaram.

UOL Esporte vê TV