PUBLICIDADE
Topo

UOL Esporte vê TV

Tática de divulgação da Turner confunde até Globo em guerra de transmissões

Gabigol, do Flamengo, marcado por Guilherme Arana, do Atlético-MG - Alexandre Vidal/Flamengo
Gabigol, do Flamengo, marcado por Guilherme Arana, do Atlético-MG Imagem: Alexandre Vidal/Flamengo

Gabriel Vaquer

Colaboração para o UOL, em Aracaju

12/08/2020 04h00

Em silêncio durante toda a disputa judicial sobre os direitos de transmissão do Campeonato Brasileiro, a Turner usa a tática de sequer fazer propaganda dos jogos que transmitirá na TNT nas próximas rodadas, confundindo até mesmo alguns executivos e advogados jurídicos da Globo que monitoram a questão.

Segundo apurou o UOL Esporte, o silêncio neste caso é uma estratégia também jurídica da Turner. A programadora americana não quer antecipar os passos e dar mais munição para a emissora carioca. Por causa disso, mesmo após chegar em um acordo com os clubes para as transmissões, a empresa continua evitando fazer propaganda dos jogos.

A ordem pontual é manter o expediente adotado no último sábado, com Coritiba x Internacional: chamar o público nas redes sociais horas antes, entre cinco e seis horas antes da partida, e anunciar rapidamente sem muito alarde durante as transmissões da Champions League que normalmente vão acontecer antes.

Os jogos sem propaganda são uma estratégia jurídica. A Turner prefere só falar em juízo, como aconteceu no processo movido pela Globo para tentar uma liminar que impedisse a programadora exibisse jogos baseando-se na MP 984. A Globo não conseguiu a vitória na primeira instância, mas já recorreu da decisão.

A Turner, na sua resposta na ação, disse que a Globo quer "esvaziar, por completo, a MP 984/20, editada regularmente pela Presidência da República, que possui força de lei e presunção de constitucionalidade, segundo a qual o direito de arena pertence somente ao clube mandante, e não mais às duas entidades participantes do espetáculo".

O jogo da discórdia total entre as empresas será no fim de semana. A TNT promete exibir Coritiba x Flamengo e Palmeiras x Goiás, em uma rodada tripla que começará com um jogo da Champions League no sábado (15). Flamengo e Goiás, como se sabe, são times com contrato com o Grupo Globo na TV por assinatura.

Na Globo, a ideia é viver o dia a dia e ver os passos da Turner do jeito que eles acontecerem, mesmo que seja difícil monitorar a programadora e suas estratégias, que não dão muita margem para monitoramento. Os capítulos na Justiça ainda prometem ser longos, e a Globo não pretende desistir fácil da situação.

UOL Esporte vê TV