PUBLICIDADE
Topo

Globo alcançou 15,3 milhões de pessoas em última transmissão do Carioca

Vitor Silva/Botafogo
Imagem: Vitor Silva/Botafogo

Gabriel Vaquer

Colaboração para o UOL, em Aracaju

03/07/2020 15h30

Última partida transmitida pela Globo antes de rescindir o contrato de direitos de transmissão do Campeonato Carioca, o jogo entre Portuguesa-RJ e Botafogo, pela última rodada da Taça Rio, teve alcance máximo de 15,3 milhões de telespectadores durante o horário da transmissão realizada pela emissora, com narração de Luís Roberto, entre 21h30 às 23h23.

O número foi obtido pelo UOL Esporte e confirmado pela Globo. O alcance foi medido pelo Ibope e é referente aos 14 estados, além do Distrito Federal, que transmitiram o jogo. Por sua vez, a partida entre Flamengo e Boavista, exibida pela Fla TV nas redes sociais, conseguiu alcance máximo de 2,2 milhões de espectadores de forma simultânea.

Tal dado flamenguista foi o suficiente para fazer com que a transmissão fosse a maior evento ao vivo esportivo em audiência na história da internet brasileira. No total até o fechamento desta reportagem, o jogo do Flamengo obteve 11 milhões de visualizações no YouTube - ou seja, 11 milhões de pessoas passaram em algum momento pelo evento na maior plataforma global de vídeos.

O Flamengo, no entanto, fala em 14 milhões de reproduções em todas as plataformas, contando também as outras redes sociais que exibiram o jogo, como o Twitter e o Facebook. O jogo também foi exibido pela plataforma My Cujoo para fora do Brasil, em que atingiu um pico de 11 mil pessoas simultâneas assistindo.

Já Portuguesa-RJ x Botafogo conseguiu esse alcance de mais de 15 milhões se valendo principalmente pelos índices no Rio de Janeiro. Por lá, a partida marcou 17 pontos de média com 28% de participação. Em todo o estado, o jogo atingiu 4,5 milhões de telespectadores assistindo o jogo pela Globo - acima do pico simultâneo da transmissão do Fla, que estava aberta para todo o país.

O jogo do Botafogo foi exibido, além do Rio de Janeiro, para Espírito Santo, Juiz de Fora (MG), Acre, Amazonas, Rondônia, Roraima, Pará, Amapá, Maranhão, Piauí, Rio Grande do Norte, Paraíba, Alagoas e Sergipe, além do Distrito Federal.

UOL Esporte vê TV