PUBLICIDADE
Topo

Mesmo sem times brasileiros, Dazn terá equipe para a final da Sul-Americana

Jhon Sanchez, do Independiente del Valle, comemora gol contra o Corinthians pela Copa Sul-Americana - Franklin Jacome/Getty Images
Jhon Sanchez, do Independiente del Valle, comemora gol contra o Corinthians pela Copa Sul-Americana Imagem: Franklin Jacome/Getty Images

Marcelo Tieppo

Colaboração para o UOL, em São Paulo

01/11/2019 10h01

O Dazn já escalou a equipe que vai participar da transmissão da final da Copa Sul-Americana, que será disputada entre Independiente Del Valle, do Equador, e Cólon, da Argentina, no dia 9 de novembro, em Assunção, no Paraguai. Mesmo sem ter times brasileiros na decisão, a plataforma de streaming manteve o esquema de mandar os profissionais para o estádio do Cerro Porteño.

A narração será de Dudu Monsanto, com comentários de Andrei Kampff e reportagens de Helena Calil e Mari Fontes. Havia a possiblidade de dois times brasileiros estarem nessa decisão. Só que o Corinthians foi eliminado pelo Independiente Del Valle, depois de perder em casa por 2 x 0 e empatar no Equador por 2 x 2. Já o Atlético Mineiro perdeu a vaga para o Cólon, depois de ser derrotado nos pênaltis no Mineirão, após perder o primeiro jogo por 2 x 1 e vencer na partida de volta também por 2 x 1. O Brasil estará presente apenas na arbitragem: Raphael Claus vai apitar o jogo.

O Dazn diz ter mantido a decisão de mandar uma equipe para Assunção para oferecer aos assinantes a melhor cobertura da competição, independentemente dos times que estejam disputando a grande final. Além disso, segundo a plataforma, a Copa Sul-Americana é um dos principais campeonatos para o Dazn no país, atraindo um grande número de torcedores brasileiros.

Por motivos estratégicos, o Dazn não comenta nada sobre o número de assinantes. Claro que a plataforma teria se beneficiado muito mais caso Corinthians e Atlético Mineiro tivessem avançado para a grande decisão. Aliás só essa possibilidade fez com que Globo e ESPN tentassem um acordo nos bastidores para transmitir as partidas da semifinal dos times brasileiros, sem obter sucesso na empreitada.

UOL Esporte vê TV