PUBLICIDADE
Topo

Tandara é suspensa por potencial violação antidoping e deixa Olimpíadas

Beatriz Cesarini e Demétrio Vecchioli

Do UOL, em Tóquio

05/08/2021 22h58Atualizada em 06/08/2021 10h43

A oposta Tandara foi suspensa provisoriamente por potencial violação de regra antidopagem. A jogadora deixará a seleção brasileira feminina de vôlei nas Olimpíadas de Tóquio e retornará ao Brasil. O anúncio foi feito pelo COB (Comitê Olímpico Brasileiro) nesta sexta-feira (6). Depois, Tandara usou seu perfil no Instagram para informar que "só se manifestará após a conclusão do caso".

Em nota, o COB afirmou que foi notificado pela ABCD (Autoridade Brasileira de Controle de Dopagem) quanto à suspensão provisória de Tandara. O teste foi realizado em 7 de julho, em período fora de competição, no centro de treinamento de vôlei em Saquarema. A entidade informou ao UOL Esporte, que a atleta não treinou com a equipe e deve deixar Tóquio ainda na madrugada desta sexta-feira.

A CBV (Confederação Brasileira de Vôlei) se manifestou e disse que também foi notificada pela ABCD. "A CBV lamenta que a atleta, campeã olímpica e uma das principais referências da equipe brasileira, atravesse este momento e aguarda os resultados dos trâmites processuais, cujo conteúdo é de caráter particular da atleta e confidencial", declarou, em comunicado.

A reportagem do UOL Esporte apurou que o incidente com Tandara não prejudica a caminhada do Brasil nas Olimpíadas. A equipe não será punida e ainda pode competir em busca da medalha.

Na sequência, foi a vez de Tandara se manifestar por meio do Instagram. "A atleta Tandara Caixeta está trabalhando em sua defesa e só se manifestará após a conclusão do caso. Agradecemos o carinho de todos vocês", diz nota publicada pela jogadora.

A seleção brasileira feminina venceu a Coreia do Sul por 3 sets a 0 e vai encarar os Estados Unidos na final.

Nas Olimpíadas, Tandara atuou em todos os seis jogos até aqui da seleção feminina. Ela foi a maior pontuadora do time, com 19 pontos, contra a Sérvia na fase de grupos.

Veja o post de Tandara:

Leia a nota do COB:

O Comitê Olímpico do Brasil recebeu nesta madrugada no Japão, através da Autoridade Brasileira de Controle de Dopagem (ABCD), a notificação quanto à suspensão provisória por potencial violação de regra antidopagem pela atleta Tandara Caixeta, da seleção feminina de voleibol. O teste foi realizado no período fora de competição no centro de treinamento da modalidade em Saquarema no dia 7 de julho. Tandara retornará ao Brasil.

A equipe feminina de vôlei disputa partida semifinal dos Jogos Olímpicos contra a Coreia do Sul na noite desta sexta, 6, às 21h do Japão (9h do Brasil).