PUBLICIDADE
Topo

Pré-lista da seleção para Tóquio tem cinco "possíveis" acima de 24 anos

Experiente Fernandinho, do Manchester City, está na lista larga da seleção olímpica - Getty Images
Experiente Fernandinho, do Manchester City, está na lista larga da seleção olímpica Imagem: Getty Images

Danilo Lavieri e Gabriel Carneiro

Do UOL, no Rio de Janeiro

15/06/2021 17h57

Apenas cinco entre os 11 jogadores acima de 24 anos listados pelo técnico André Jardine entre os 50 nomes enviados para o Comitê Olímpico Brasileiro estarão em condições de disputar os Jogos Olímpicos de Tóquio: Santos (Athletico-PR), Rodrigo Caio (Flamengo), Lucas Veríssimo (Benfica-POR), Alison (Santos) e Fernandinho (Manchester City-ING). Até três deles podem ser convocados na quinta-feira (17).

Os outros seis jogadores escolhidos pelo treinador na lista dos mais experientes disputam atualmente a Copa América, e a CBF entende que não poderá tê-los à disposição, como mostrou ontem (14) o UOL Esporte. São eles Alisson (Liverpool-ING), Weverton (Palmeiras), Marquinhos (PSG-FRA), Felipe (Atlético de Madri-ESP), Neymar (PSG-FRA) e Gabigol (Flamengo). A Olimpíada não faz parte do calendário internacional e, portanto, a liberação de jogadores não é obrigatória.

A pré-lista de 50 nomes enviada pela comissão técnica da seleção pré-olímpica ao COB foi publicada inicialmente pela "ESPN". O anúncio será na quinta-feira, às 11h, feito por Jardine e Branco, treinador e coordenador do projeto olímpico da seleção, respectivamente. Apenas 18 nomes poderão ser convocados, sendo até três com idade superior a 24 anos e todos os outros mais jovens.

A ideia principal de Jardine era ter Weverton, Marquinhos e Neymar entre os três nomes, mas Palmeiras e PSG informaram que não liberarão seus jogadores. Outros clubes brasileiros e internacionais já indicaram a mesma posição, o que tem causado tensão nos bastidores da CBF para definir a lista olímpica. Estafes de jogadores têm feito pressão dentro dos clubes para conseguir avais para as convocações.

Outros jogadores entre os 50 que estão na Copa América e não poderão estar em Tóquio são: Emerson (Barcelona-ESP), Éder Militão (Real Madrid-ESP), Douglas Luiz (Aston Villa-ING), Richarlison (Everton-ING) e Vini Jr (Real Madrid-ESP). Assim, dos 50, são 39 "possíveis".

A CBF enviou esta lista larga ao COB antes de saber quais seriam possíveis para convocação por causa de uma determinação do Comitê Olímpico Internacional, que esperava vacinar contra covid-19 todos os jogadores. Os representantes do futebol masculino não foram vacinados. A CBF diz que só vai definir a logística de vacinação das seleções quando as listas de convocados forem divulgadas.

André Jardine - Aleksandar Djorovic/CBF - Aleksandar Djorovic/CBF
André Jardine, técnico da seleção brasileira pré-olímpica, divulgará a lista final na quinta-feira
Imagem: Aleksandar Djorovic/CBF

Veja a pré-lista da seleção masculina de futebol para Tóquio 2020:

Goleiros (7): Alisson (Liverpool-ING), Brenno (Grêmio), Cleiton (Red Bull Bragantino), Gabriel Brazão (Real Oviedo-ESP), Ivan (Ponte Preta), Santos (Athletico-PR) e Weverton (Palmeiras);

Laterais-direitos (4): Dodô (Shakhtar Donetsk-UCR), Emerson (Barcelona-ESP), Gabriel Menino (Palmeiras) e Guga (Atlético-MG);

Laterais-esquerdos (3): Abner (Athletico-PR), Caio Henrique (Monaco-FRA) e Guilherme Arana (Atlético-MG);

Zagueiros (10): Éder Militão (Real Madrid-ESP), Felipe (Atlético de Madrid-ESP), Gabriel Magalhães (Arsenal-ING), Ibañez (Roma-ITA), Lucas Veríssimo (Benfica-POR), Luiz Felipe (Lazio-ITA), Marquinhos (PSG-FRA), Nino (Fluminense), Rodrigo Caio (Flamengo) e Vitão (Shakhtar Donetsk-UCR);

Volantes (9): Alison (Santos), Bruno Guimarães (Lyon-FRA), Douglas Luiz (Aston Villa-ING), Fernandinho (Manchester City-ING), Gerson (Olympique de Marselha-FRA), Liziero (São Paulo), Matheus Henrique (Grêmio), Maycon (Shakhtar Donetsk-UCR) e Patrick de Paula (Palmeiras);

Meias (4): Claudinho (Red Bull Bragantino), Paulinho (Bayer Leverkusen-ALE), Pedrinho (Benfica-POR) e Reinier (Borussia Dortmund-ALE);

Atacantes (13): Antony (Ajax-HOL), David Neres (Ajax-HOL), Evanílson (Porto-POR), Gabigol (Flamengo), Gabriel Martinelli (Arsenal-ING), Malcom (Zenit-RUS), Matheus Cunha (Hertha Berlim-ALE), Neymar (PSG-FRA), Pedro (Flamengo), Richarlison (Everton-ING), Rodrygo (Real Madrid-ESP), Vini Jr (Real Madrid-ESP) e Yuri Alberto (Internacional).