PUBLICIDADE
Topo

Palmeiras

Abel deixa 'portas abertas' e lista fatores para permanência de Scarpa

20/05/2022 07h00

Classificação e Jogos

Enquanto busca reforços para o elenco, o Palmeiras ainda tem uma pendência importante para definir: a renovação de contrato de Gustavo Scarpa. O assunto foi pauta na entrevista coletiva após a vitória sobre o Emelec, na última quarta-feira, quando Abel Ferreira foi questionado. A resposta não foi esclarecedora, mas deixou pistas.

Admirador do futebol do meia, que tem sido importante desde a chegada do treinador, tanto com entrega em campo, quanto com gols e assistências, Abel sabe que a permanência não depende apenas de seu desejo, mas também de outros fatores, como o desejo do jogador, já declarado, que é jogar na Europa. O português, porém, deixa as portas abertas para o jogador.

"O Gustavo Scarpa teve uma conversa com o clube, foi muito claro. As portas do meu gabinete e do clube estão abertas. Acho que pode ter tudo um bom fim, mas é preciso quatro partes quererem: clube, jogador, empresário do jogador e família do jogador. Se isso acontecer...", afirmou o comandante palmeirense.

Scarpa tem contrato com o Verdão até dezembro deste ano e as partes já vêm conversando há algum tempo sobre a prorrogação do vínculo. O respeito e admiração entre clube e atleta fazem com que não haja pressão nem pressa em cima do negócio. Ambos os lados sabem do desejo de cada um e Abel Ferreira faz coro pelo "fico".

"Não vou falar de dentro de campo, porque quero bons jogadores, jogadores que decidam, que façam a diferença. Logicamente, não posso ficar indiferente ao que ele está a fazer, ele realmente tem estado muito bem", disse o treinador do Alviverde.

No ano de 2021, Scarpa foi o jogador que mais participou de gols do Palmeiras com 33 participações (9 gols e 24 assistências), à frente de Raphael Veiga, com 28 participações (21 gols e 7 assistências). Em 2022, o camisa 14 participou de seis tentos (2 gols e 4 assistências). Veiga, no entanto, disparou com 25 (18 gols e 7 assistências).

Palmeiras