PUBLICIDADE
Topo
Comprar ingresso
Comprar ingresso

Corinthians

"Sabíamos que iríamos oscilar", diz Ramiro sobre tropeço do Corinthians

27/01/2020 07h36

Classificação e Jogos

Autor do único gol do Corinthians no empate por 1 a 1 com o Mirassol, o volante Ramiro lembrou que a equipe ainda está em início de temporada e que as oscilações serão normais nos primeiros jogos de 2020. O jogador, um dos destaques com Tiago Nunes, rebateu as críticas sofridas após o tropeço no interior do estado e falou em cansaço físico no segundo tempo.

"Sabíamos que iríamos oscilar, principalmente nesse início de trabalho. É muito cedo ainda. Temos pouco mais de 20 dias de preparação, fizemos bons jogos, mas a oscilação e as derrotas aparecerão em determinados momentos Então, temos que ter cabeça fria. Quando ganhamos, não somos o melhor time, e quanto perdemos não somos o pior. Temos que encontrar um equilíbrio, um meio-termo e nos desafiarmos para tentar oscilar o menos possível, manter uma regularidade", afirmou o jogador na saída do estádio.

De fato, o Corinthians não teve uma atuação das melhores na noite do último domingo. No primeiro jogo do Campeonato Paulista, contra o Botafogo-SP, a equipe trocou quase 700 passes ao longo da partida. Já contra o Mirassol, fora de casa, o Timão registrou 436 passes certos. Focado em adquirir entrosamento o mais rápido possível, o técnico Tiago Nunes manteve a equipe titular e a consequência foi o cansaço físico no segundo tempo, que possibilitou o crescimento do adversário.

"Posso falar por mim que hoje (domingo) cansei mais do que no jogo passado, mais do que o normal. Além de que ficamos mais tempo sem a bola, isso desgasta bastante. A tendência é de que fisicamente a gente vá melhorando com o decorrer da temporada, decorrer dos jogos. Senti bastante esses dois dias de recuperação. Esse intervalo entre um jogo e outro judia um pouco do jogador, mas não tem desculpa. Eles (Mirassol) também jogaram na quinta. Quando acontece um resultado negativo não temos que dar desculpas. É assumir os nossos erros e melhorar nas próximas partidas", reiterou Ramiro.

O Corinthians volta a campo na próxima quinta-feira, às 21h30, contra a Ponte Preta, no Moisés Lucarelli. No domingo, o TImão recebe o Santos pela quarta rodada do Paulistão e, na outra semana, o Alvinegro estreia na Copa Libertadores contra o vencedor de San José, da Bolívia, e Guaraní, do Paraguai. Por isso, a tendência é de que a comissão técnica faça um rodízio nos dois próximos jogos.

Corinthians