Topo

Futebol


Roberto Carlos terá passaporte confiscado pela justiça por dívida com ex-agente

14/11/2019 20h17

O ex-lateral pentacampeão do mundo Roberto Carlos terá seu passaporte confiscado pela justiça brasileira por uma dívida não paga ao seu ex-agente Oliveira Junior no valor de R$ 100 mil. A defesa pode recorrer.

Tudo começou em 2009, quando Roberto Carlos criticou no programa Raul Gil seu ex-empresário, que resolveu processá-lo por danos morais e ganhou a ação. Mesmo assim, o ex-lateral não efetuou o pagamento da indenização, e terá que pagar caso queira seu passaporte de volta.

Na época da decisão, em 2011, o valor julgado era de R$ 25 mil, mas com a atualização do valor com juros, chegou a R$ 100 mil. Como já houve o trânsito em julgado, não cabe recurso e o ex-jogador terá que efetuar o pagamento.

Aposentado desde 2012, Roberto Carlos atua como embaixador do Real Madrid e também possui passaporte europeu.

Futebol