Topo

Futebol


São Paulo volta a ter problema contra adversário com time alternativo

01/09/2019 11h00

Após o empate em 0 a 0 com o Grêmio, no último sábado, o São Paulo parece ter entra em uma pequena sina: a de não conseguir vencer equipes que entram em campo com uma escalação alternativa, ou até mesmo reserva. Isso aconteceu em outras duas oportunidades, ambas também no Morumbi, pelo Brasileirão-2019. Três resultados sentidos pelo clube pensando na tabela.

Primeiro contra o Flamengo, antes da parada para a Copa América, em uma fase diferente do Tricolor. A segunda foi no clássico contra o Palmeiras, no primeiro jogo são-paulino depois da pausa. Por fim, o embate com o Tricolor gaúcho. Relembre as partidas, as circunstâncias e os placares dessa lista.

SÃO PAULO 1 x 1 FLAMENGO - 5/5/2019 - 3ª RODADA DO BRASILEIRÃO-2019

Logo no início do Campeonato Brasileiro deste ano, as duas potências se encontraram, mas a escalação do Flamengo mostrava que o clube não estava priorizando a competição. Isso porque, três dias depois, os cariocas teriam uma partida decisiva pela fase de grupos da Copa Libertadores e a opção de Abel Braga foi escalar um time inteiro reserva: César; Rodinei, Thuler, Matheus Dantas e Trauco; Piris da Motta, Ronaldo, Hugo Moura e Diego; Berrío e Lincoln.

Para surpresa geral, Berrío abriu o placar antes dos dez minutos da primeira etapa e o jogo passou a ficar complicado para o Tricolor, que insistia demais no ataque, mas não conseguia concluir com sucesso, apesar de fazer uma boa partida, até que Tchê Tchê, aos 37 do segundo tempo garantiu o empate, que acabou amenizando o estrago na partida, cujos pontos perdidos são lamentados até hoje, principalmente por ter jogado com força máxima.

SÃO PAULO 1 x 1 PALMEIRAS - 13/7/2019 - 10ª RODADA DO BRASILEIRÃO-2019

Depois de um período de treinos considerado extremamente proveitoso, o São Paulo entrou em campo para seu primeiro jogo oficial e o teste seria contra o rival Palmeiras, que estava mais interessado no duelo seguinte, contra o Internacional, pela Copa do Brasil, o que fez Felipão escalar um time alternativo com: Weverton; Marcos Rocha, Antonio Carlos, Edu Dracena e Diogo Barbosa; Thiago Santos, Moisés e Gustavo Scarpa; Dudu, Zé Rafael e Deyverson.

Jogando em casa e empolgado pelo retorno, o Tricolor começou em cima do Alviverde e criou chances logo no início, não demorou muito para Pablo abrir o placar após boa trama pelo lado direito do ataque. No entanto o time caiu muito de produção no segundo tempo, e os palmeirenses passaram a pressionar para o empate. O gol acabou saindo em um lance "espírita" segundo Cuca, que consistiu em um chute de Dudu, que desviou e encobriu Volpi.

SÃO PAULO 1 x 1 GRÊMIO - 31/8/2019 - 17ª RODADA DO BRASILEIRÃO

Brigando para se manter nas caça aos líderes, o São Paulo tinha o cenário ideal para também se recuperar de uma derrota na rodada anterior: Morumbi lotado contra um Grêmio quase todo reserva, apenas com Everton representando os titulares: Júlio César; Galhardo, Paulo Miranda, David Braz e Juninho Capixaba; Michel, Thaciano e Luan; Luciano, Everton e Diego Tardelli. Mesmo com nomes de grande valor, a crença era de que os três pontos viriam para o Tricolor.

Com foco na Copa do Brasil, Renato Gaúcho foi ao estádio são-paulino pensando em um empate como bom resultado. O São Paulo, desfalcado da posição de centroavante, pois todas as possibilidades estavam indisponíveis, acabou caindo na armadilha gremista, que neutralizou qualquer ideia de jogo do time de Cuca, praticamente inofensivo e displicente no ataque. O 0 a 0 no placar acabou comemorado pelos visitantes e lamentado pelos mandantes.

Mais Futebol