PUBLICIDADE
Topo

Futebol

André Jardine exalta partida da Arábia Saudita e garante que Brasil não vencerá partidas "na camisa'

redacao@gazetaesportiva.com (Redação)

28/07/2021 08h13

O técnico André Jardine destacou a partida da Arábia Saudita após a vitória da Seleção Brasileira contra os sauditas por 3 a 1, em jogo válido pela 3ª rodada da fase de grupos dos Jogos Olímpicos de Tóquio. O treinador também deixou claro que o Brasil não vencerá seus jogos apenas com a "força da camisa" ao longo do torneio.

"Foi um jogo bastante difícil. Acho que a Arábia Saudita merecia ter feitos pontos na competição, chegou contra a gente com a ambição de vencer o jogo, voltar para casa com uma última grande exibição, seria um resultado histórico para eles. Jogaram com muita coragem, buscaram propor o jogo, nós alternamos dentro do jogo entre defender e atacar. Tiveram méritos no primeiro tempo, nosso ajuste na segunda etapa foi importante e fizemos por merecer a vitória", disse Jardine em coletiva após o jogo.

Questionado sobre os próximos adversários na competição, Jardine deixou claro que a tradição por si só não levará o Brasil longe, e que a equipe tem que se preparar, independentemente do adversário. "Se a gente analisar as três partidas que fizemos na primeira fase, a gente percebe que a camisa por si só não joga. Seleções de menos tradição fizeram jogos tão duros como a Alemanha. Tivemos uma grande estreia contra o time mais tradicional. O segredo é respeitar a todos da mesma forma, estudar os adversários e focar muito na gente, no nosso espírito. Que prevaleça a seleção, independente do adversário", concluiu.

O Brasil assumiu a liderança do grupo D, com sete pontos, e enfrenta nas quartas de final o segundo colocado da chave C, que no momento é a Austrália.

Futebol