PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Galiotte nega que Palmeiras e Fla sejam únicas potências do Brasil: "Não são só os dois"

redacao@gazetaesportiva.com (Redação)

21/04/2021 16h00

O presidente do Palmeiras, Maurício Galiotte, comentou nesta quarta-feira sobre a rivalidade com o Flamengo, que se acentuou nos últimos anos com ambos os times disputando títulos.

Recentemente, as equipes decidiram a Supercopa do Brasil, com os cariocas levando a melhor. De acordo com o mandatário do Verdão, o embate foi equilibrado.

"Flamengo tem uma grande equipe e o Palmeiras também. São dois grandes campeões. Jogamos agora, foi 2 a 2, tivemos a chance de ganhar nos pênaltis e não conseguimos. Tivemos grande equilíbrio", disse em entrevista à Espn Brasil.

Mesmo reconhecendo a força das duas equipes, Galiotte negou que o Alviverde e o Rubro-Negro sejam as únicas potências do futebol brasileiro.

"Não são só os dois. Temos grandes equipes no Brasil, o Campeonato Brasileiro foi decidido na última rodada com o Inter disputando até o final. Quem foi à final da Libertadores foi o Santos. São Paulo e Atlético-MG disputaram o Campeonato Brasileiro até o final. São quatro, cinco, seis, sete grandes times. Não é uma discussão que fica apenas a Palmeiras e Flamengo", completou.

Com o objetivo de se manter entre os protagonistas do futebol brasileiro, o Palmeiras entra em campo nesta quarta-feira, visitando o Universitario, do Peru, em sua estreia na Libertadores.

Futebol