PUBLICIDADE
Topo

Futebol

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Mauro Cezar: Corinthians do VP às vezes tem mais resultado que desempenho

Do UOL, em São Paulo

20/05/2022 18h47

Vítor Pereira chegou ao Corinthians tentando armar um time que joga mais com a bola e pressiona no campo adversário, mas após a dificuldade encontrada em jogos do Campeonato Paulista, no início do trabalho, a equipe que lidera o Brasileirão tem uma característica diferente e que foge até do histórico do treinador português em seus clubes anteriores.

No podcast Posse de Bola #229, Mauro Cezar Pereira afirma que Vítor Pereira tem sido muito pragmático, que foi a forma como ele encontrou para conseguir uma sequência em meio a uma temporada atípica, com o Corinthians às vezes apresentando mais resultados do que desempenho.

"O Vítor Pereira tem sido muito pragmático, ele tem montado o time de acordo com cada jogo e revezando jogadores. Por exemplo, vai jogar com o Boca, normalmente você imaginaria a força máxima e não, deixou no banco jogadores ditos medalhões, certamente poupando alguns pensando no São Paulo, sabendo que o jogo da terça-feira era um jogo que não decidia a vida dele, vai decidir contra o Always Ready", diz Mauro.

"Ele está brigando em duas frentes usando critérios para definir time e estratégia e muito pragmático, sem se preocupar muito, tanto que o Corinthians chutou uma bola no gol contra o Boca. Imagina se o time do Paulo Sousa chuta uma bola no gol contra o Real Madrid ou contra qualquer um. Uma bola chutada no gol do Du Queiroz, 25% de posse de bola", completa.

O jornalista acredita que o técnico não tem conseguido montar o time da forma como gostaria, mas está se adaptando às dificuldades impostas pelo calendário de um time em três competições, tendo chegado já durante a temporada, com elenco que já havia sido montado.

"Está trocando o pneu com o carro andando, entrou no meio da temporada, então vai se virando como é possível. Acho que passa longe do que ele gostaria que fosse a sua equipe, mas são necessidades de uma temporada ainda mais maluca do que o normal. Tem que dar sempre esse desconto também dentro desse contexto, embora eu ache que durante o ano ele deva mostrar mais, um time que faça mais do que vem fazendo. Tem às vezes mais resultado do que desempenho, eu vejo o Corinthians dessa maneira", diz Mauro.

"Tem sido muito pragmático e isso pode significar um Corinthians até contra o São Paulo parecido com esse Corinthians do 1 a 0 de tempos atrás, de repente se estiver ganhando o jogo, se fechar e administrar resultado, não acho que vá ser nada surpreendente um roteiro mais ou menos desse no clássico de domingo", conclui.

Posse de Bola: Quando e onde ouvir?

A gravação do Posse de Bola está marcada para segundas e sextas-feiras às 9h, sempre com transmissão ao vivo pela home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte nas redes sociais (YouTube, Facebook e Twitter).

A partir de meio-dia, o Posse de Bola estará disponível nos principais agregadores de podcasts. Você pode ouvir, por exemplo, no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts, Amazon Music e Youtube --neste último, também em vídeo. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

Futebol