PUBLICIDADE
Topo

Sousa negocia saída na Polônia e não descarta pagar multa pelo Flamengo

Paulo Sousa durante entrevista após jogo da seleção polonesa pelas Eliminatórias, em novembro de 2021 - Pedro Salado/Quality Sport Images/Getty Images
Paulo Sousa durante entrevista após jogo da seleção polonesa pelas Eliminatórias, em novembro de 2021 Imagem: Pedro Salado/Quality Sport Images/Getty Images

Leo Burlá

Do UOL, no Rio de Janeiro

26/12/2021 15h22

O Flamengo está próximo de anunciar Paulo Sousa como seu novo treinador. O português foi o escolhido pela direção do clube e tenta se desligar da seleção da Polônia. Cezary Kulesza, presidente da Associação Polonesa de Futebol (APF), foi às redes sociais informar que não libera o profissional, mas o Fla entende que o dirigente está apenas blefando para levar alguma vantagem financeira no distrato.

Com acordo verbal com o Rubro-negro, Sousa tenta negociar uma saída amigável com os poloneses, mas indicou estar disposto a pagar do próprio bolso a multa. O valor está fixado em 300 mil euros (R$ 1,9 milhão).

Atritos na Polônia

Ex-jogador com passagem vitoriosa pela seleção portuguesa e por clubes da Itália, Sousa vivia a expectativa de disputar o mata-mata classificatório à Copa do Mundo, mas um atrito com Kulesza abreviou o caminho para a Gávea.

Contratado pela lenda polonesa Boniek, que ocupava a presidência do órgão, o português tem se desentendido com o atual presidente. Há divergências quanto a métodos e planejamento, o que torna a relação mais tensa.

O técnico tem um contrato com gatilhos e teria seu acordo automaticamente renovado em caso de classificação à Copa do Qatar em 2022. A vaga nesta fase das Eliminatórias já havia rendido uma prorrogação automática.

Nova comissão

O português virá com uma comissão técnica robusta ao seu lado e a tendência é que ao menos seis profissionais cheguem para o clube: Manuel Cordeiro (auxiliar), Victor Sánchez (auxiliar), Paulo Grilo (treinador de goleiros), Cosimo Cappagli (analista), e os preparadores Lluis Sala e António Gomez.

O elenco rubro-negro se reapresenta no dia 10 de janeiro para a pré-temporada, mas o time que jogará o Estadual (sub-20) inicia os trabalhos no dia 3.

Essa equipe será dirigida por Maurício Souza e vai representar o clube ao menos nas três primeiras rodadas da competição regional. O Fla busca um inédito tetra.

O planejamento aponta para que os titulares comecem a estrear no Fla-Flu do dia 6 de fevereiro. O clássico ainda não tem local definido. Enquanto o gramado do Maracanã estiver passando por reforma, a casa do time será o Luso-Brasileiro, estádio da Portuguesa.