PUBLICIDADE
Topo

Corinthians

Corinthians confirma Paulinho, anuncia patrocinador e agora busca camisa 9

Gustavo Setti e Yago Rudá

Do UOL, em São Paulo

15/12/2021 11h49

Paulinho está de volta ao Corinthians. O clube alvinegro anunciou hoje (15) a contratação do volante, que retorna mais de oito anos após se despedir rumo ao Tottenham, da Inglaterra, tendo rodado também por outros clubes no exterior.

Em sua primeira passagem pelo Corinthians, de 2010 a 2013, Paulinho conquistou quatro títulos: Brasileirão 2011, Copa Libertadores 2012, Mundial de Clubes 2012 e Campeonato Paulista 2013. Ao todo, defendeu o Timão em 167 partidas, com 34 gols — número expressivo para um atleta de sua posição.

O contrato é válido até o fim de 2023, justamente quando se encerra a gestão do presidente Duilio Monteiro Alves — conforme antecipado pelo UOL Esporte. O jogador vinha treinando no CT Joaquim Grava desde o mês passado para manter a forma física, e se reapresenta ao Corinthians no dia 10 de janeiro, junto com o restante do elenco.

Depois de se destacar no clube do Parque São Jorge, o meio-campista foi vendido para o Tottenham, da Inglaterra, em uma venda na época recorde para o Corinthians (18 milhões de euros). Dos Spurs, o volante se transferiu para o Guangzhou Evergrande e depois para o Barcelona para atuar ao lado de Lionel Messi. Ainda voltou para a China antes da passagem relâmpago pela Arábia Saudita. O jogador ainda disputou duas Copa do Mundo pela seleção brasileira.

"Fala, Fiel! O guerreiro está de volta. Ano que vem, o bicho vai pegar. Conto com a presença de vocês e vamo que vamo. Tamo junto", discursou o jogador em vídeo divulgado pelo Corinthians.

Ontem, Roberto de Andrade, diretor do Corinthians, afirmou que Paulinho ainda não era jogador do clube e que a negociação não estava fechada. Já na manhã de hoje, o veterano foi anunciado em post nas redes sociais.

O atleta chegou ao Parque São Jorge em um caminhão, com direito ao tradicional toque de sirene, e posou para fotos com torcedores e conselheiros do clube na entrada.

Novo patrocinador, novo atacante

O Corinthians também fez o anúncio da parceria com o Grupo Taunsa, de agronegócio. O contrato terá início em janeiro de 2022, com duração até dezembro de 2023, e prevê a participação do novo patrocinador em conteúdos, propriedades físicas e digitais do clube, além de ativações a serem divulgadas em breve.

"Fico muito feliz de poder voltar a atuar com a camisa do Corinthians, o clube que eu amo e que foi o pilar de toda a minha carreira. Quero agradecer ao Grupo Taunsa por nos ajudar a viabilizar minha vinda e por acreditar no maior clube do Brasil. Agora é voltar a jogar ao lado da Fiel com a certeza de que vamos fazer história juntos de novo", disse Paulinho.

Agora, o dinheiro do novo patrocinador será direcionado para a contratação de um novo atacante, prioridade da diretoria para a temporada 2022. O clube também busca um zagueiro e faz rondas por um lateral-esquerdo e um lateral-direito.

Os dois primeiros nomes falados no Parque São Jorge foram Anderson Talisca e Edinson Cavani. As conversas com o primeiro foram descartadas, enquanto a negociação com o segundo ainda não avançou.

O objetivo do Corinthians nesta janela de transferências é fazer barulho no mercado e contratar um nome de peso, que traga repercussão nacional e internacional. Garantido na Copa Libertadores do ano que vem, o clube quer montar um elenco estrelado, conquistar espaço de mídia e valorizar as propriedades de sua camisa.

A tática tem sido adotada pela atual gestão desde o segundo semestre deste ano, quando — mesmo encarando dívidas — acertou com Willian, Renato Augusto, Roger Guedes e Giuliano.

Corinthians versão 2022

A chegada de Paulinho levanta perguntas para o técnico Sylvinho. Seu desafio será montar o meio de campo do Corinthians no ano que vem. O volante tem características ofensivas, atuando próximo dos meias de armação e não tem a marcação como a característica que o levou a disputar duas Copas do Mundo.

Recentemente, Sylvinho afirmou que vê espaço para todos os reforços na equipe titular, mas não detalhou o esquema tático que pretende utilizar. A tendência é de que os laterais atuem como defensores para dar equilíbrio ao meio de campo com caráter ofensivo.

O Corinthians ideal para 2022 deve ter Cássio; Fagner, João Victor, Gil e Fábio Santos (Lucas Piton); Paulinho, Giuliano, Renato Augusto e Willian; Roger Guedes e Jô (reforço que ainda está por vir).

Corinthians