PUBLICIDADE
Topo

Palmeiras

Abel após título da Libertadores: "Vou ter que refletir sobre o meu futuro"

Abel Ferreira grita para seus jogadores durante a final da Libertadores entre Palmeiras e Flamengo - Staff Images/Conmebol
Abel Ferreira grita para seus jogadores durante a final da Libertadores entre Palmeiras e Flamengo Imagem: Staff Images/Conmebol

Diego Iwata

Do UOL, em Montevidéu (URU)

27/11/2021 20h42

Classificação e Jogos

O técnico Abel Ferreira disputou duas Libertadores desde que chegou ao Palmeiras no fim de 2020 e conquistou os dois títulos. O segundo aconteceu na tarde de hoje (27), ao bater o Flamengo por 2 a 1 na prorrogação no estádio Centenário, em Montevidéu (URU).

No entanto, as glórias não são suficientes para o português cravar sua permanência no clube alviverde. Abel tem contrato até o fim de 2022.

"Estou tranquilo, calmo, em paz comigo. Sentimento de dever cumprido. Já disse isso várias vezes: a forma como se vive futebol no Brasil é muito intensa. Eu vou ter que refletir muito sobre o que eu quero para mim no futuro", disse ao canal Fox Sports após o título. "Posso ter todo dinheiro do mundo, mas o tempo não tem preço. Vou precisar me retirar e pensar junto à minha família", acrescentou na coletiva de imprensa.

As críticas de Abel Ferreira à forma como seu trabalho é avaliado, sobretudo pela imprensa, no Brasil são recorrentes. Em diversas entrevistas coletivas o português já deixou claro seu descontentamento com essa intensidade das cobranças sofridas.

O caso mais recente foi quando poupou o time titular e escalou apenas reservas para o clássico contra o São Paulo, quando o Verdão acabou derrotado pelo rival Tricolor.

Independentemente de Abel, o Palmeiras, com o título, garantiu vaga no Mundial de Clubes de 2021, que será disputado nos Emirados Árabes, em fevereiro de 2022. O Verdão é o sétimo clube classificado e terá como principal adversário o Chelsea, atual campeão da Liga dos Campeões.

Palmeiras