PUBLICIDADE
Topo

Inglês - 2021/2022

Fãs do Crystal Palace acusam donos do Newcastle de terrorismo e decaptações

23.10.21 - Torcedores do Crystal Palace exibem faixa com acusações contra os novos dos do Newcastle em jogo entre as duas equipes pela Premier League - REUTERS/Peter Nicholls
23.10.21 - Torcedores do Crystal Palace exibem faixa com acusações contra os novos dos do Newcastle em jogo entre as duas equipes pela Premier League Imagem: REUTERS/Peter Nicholls

Colaboração para o UOL, em São Paulo

23/10/2021 13h00

Classificação e Jogos

Os torcedores do Crystal Palace aproveitaram o confronto de hoje contra o Newcastle para fazer um protesto contra os novos proprietários dos Magpies. A partida terminou empatada em 1 a 1.

Os Eagles ergueram uma grande faixa pouco antes das duas equipes entrarem em campo para o jogo do Campeonato Inglês. As acusações contra o Fundo de Investimento Saudita (PIF) eram de terrorismo, decapitações e assassinato.

Na faixa, há uma imagem do Mohammed bin Salman, príncipe da Arábia Saudita, segurando uma espada, e do presidente-executivo da Premier League, Richard Masters, com uma adaga com sangue pingando aos pés em torno de um saco de dinheiro.

Além disso, o cartaz também contém uma lista de crimes pelos quais organizações de direitos humanos afirmam que eles são os responsáveis. Os crimes são: terrorismo, decapitações, violação dos direitos civis, assassinato, perseguição e censura.

Quando a equipe do Newcastle entrou em campo, foi vaiada pela torcida da casa.

A organização de direitos humanos Amnistia Internacional afirma que a compra dos Magpies foi uma tentativa de 'lavar desportivamente o seu espantoso histórico de direitos humanos com o glamour do futebol de primeira linha'.