PUBLICIDADE
Topo

Futebol

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Juca: Dívida que o São Paulo terá de pagar ao Daniel Alves é um escândalo

Do UOL, em São Paulo

18/09/2021 12h00

A passagem de Daniel Alves pelo São Paulo chegou ao fim e o jogador está livre para acertar com um novo clube após a rescisão de seu contrato, com um acordo no qual receberá cerca de R$ 18 milhões em parcelas mensais por cinco anos, a partir de janeiro de 2022.

No podcast Posse de Bola #161, Juca Kfouri analisa o momento do São Paulo, assim como os de Corinthians e Santos, e destaca como o valor a ser pago na saída do camisa 10 tricolor mostra que a sua contratação foi um péssimo negócio. Mas também destacou que Daniel Alves está no seu direito de receber o que com ele foi combinado.

"Quem mais decepcionou, evidentemente, é o São Paulo, porque era sobre quem havia a maior expectativa, vinha do título estadual, saiu da fila, acabou a escrita, então, imaginava-se, se não que o São Paulo pudesse disputar o título, mas que o São Paulo certamente disputaria G4. Neste momento disputa para não cair e deve ser essa a preocupação porque, de fato, a crise é feia, sob todos os aspectos", diz Juca.

"Esse episódio do Daniel Alves, esta dívida que o São Paulo terá de pagar ao Daniel Alves é um escândalo, rigorosamente, é um escândalo. Eu não me lembro de outra situação em um clube brasileiro a este ponto que acontece entre São Paulo e Daniel Alves, reiterando o direito inalienável que ele tem de receber o que lhe prometeram pagar. Outros aspectos, o amor, isso aí é outra discussão, para torcedor fazer. Agora, que ele tem todo o direito de receber o que ele assinou", completa.

O jornalista afirma que o São Paulo se coloca como uma decepção maior do que Corinthians e Santos justamente pela falta de expectativas com os dois alvinegros em meio aos problemas financeiros dos dois clubes.

"O Santos, na verdade, a expectativa que a gente tinha em torno do Santos era saber que outro milagre o Santos poderia fazer, porque não é de hoje que o Santos vem fazendo campanhas muito acima da expectativa que a gente tem em torno do elenco do Santos. Esse ano, parece que não será assim, que o Santos fará uma campanha à altura do seu elenco, então tem que se preocupar também com não cair. Mas eu não tinha expectativa, como não tinha expectativa em torno do Corinthians", diz Juca.

Juca afirma que a expectativa em relação ao Corinthians muda após as contratações, mas ao mesmo tempo com uma preocupação de que o clube deverá ter problemas futuros devido aos gastos em um momento no qual não poderia.

"A expectativa minha era de que o Corinthians lutasse para ficar no meio da tabela. É óbvio que diante da irresponsabilidade e do doping financeiro, de eventualmente estar apenas postergando uma crise que virá mais forte ainda adiante, o Corinthians agora tem um time que lhe permite brigar por vaga na Libertadores. Não sei se a ponto de chegar no G4, mas certamente para lutar por vaga na Libertadores", diz Juca.

"Quem está em melhor situação dentro do gramado é o Corinthians, fora, os três estão com uma mão atrás e outra na frente, em situação desesperadora. O São Paulo com essas dívidas que tem, tipo, Daniel Alves, e Santos e Corinthians, sabidamente, com fruto de gestões absolutamente horrorosas, pouco transparentes e tudo mais, é uma situação realmente preocupante", conclui.

Posse de Bola: Quando e onde ouvir?

A gravação do Posse de Bola está marcada para segundas e sextas-feiras às 9h, sempre com transmissão ao vivo pela home do UOL ou nos perfis do UOL Esporte nas redes sociais (YouTube, Facebook e Twitter).

A partir de meio-dia, o Posse de Bola estará disponível nos principais agregadores de podcasts. Você pode ouvir, por exemplo, no Spotify, Apple Podcasts, Google Podcasts, Amazon Music e Youtube --neste último, também em vídeo. Outros podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Futebol