PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Bahia e Corinthians chutam pouco a gol e não saem do zero em Pituaçu

Colaboração para o UOL

20/06/2021 17h53

Classificação e Jogos

Depois de primeiro tempo de muito toque de bola e pouca finalização, Bahia e Corinthians voltaram mais interessados do intervalo, mas o empate por 0 a 0 prevaleceu em Pituaçu. Os goleiros Matheus Teixeira e Cássio pouco sujaram o uniforme neste domingo (20), em duelo pela quinta rodada do Brasileirão: o time da casa acertou apenas dois chutes no alvo, enquanto os visitantes concluíram três vezes a gol.

Antes do término da rodada, esse placar deixa o Alvinegro na décima colocação, com cinco pontos. Já o Bahia avança provisoriamente para o sexto posto, com oito.

As duas equipes voltam a campo nesta quinta-feira (24), pela sexta rodada do torneio. O Corinthians recebe o Sport às 19h e o Bahia encara o Athletico novamente em Pituaçu mais tarde, às 21h30.

Toca e toca

O primeiro tempo foi de muito toque de bola, das duas equipes. Se o ponto positivo é que isso não travou o embate e gerou um baixo número de faltas, o negativo é que praticamente nada aconteceu. Os times trocavam a bola de pé em pé no meio campo, sem ameaçar o adversário. O Bahia ainda tentava algumas infiltrações buscando Gilberto, mas sem sucesso.

As equipes voltaram melhor na segunda etapa e, principalmente pelo alto, criaram alguns poucos lances de mais perigo. Matheus Teixeira fez uma boa defesa e Matheus Bahia foi preciso para evitar a conclusão de Jô, enquanto Cássio teve mais sorte e trabalhou ainda menos.

Chuteira verde?

Criado na base do Corinthians, o atacante Jô reapareceu entre os titulares do Corinthians. No entanto, apagado no primeiro tempo, o camisa 77 chamou a atenção da torcida pela cor de sua chuteira. Pela TV, o modelo utilizado pelo centroavante parecia verde, cor do maior rival do Timão —é bom lembrar que as lentes das câmeras podem interferir nas cores captadas. Sem aparecer muito, o veterano foi substituído por Cauê aos 35 do segundo tempo.

Bahia ligeiramente mais interessado

O Alvinegro até começou mais ligado no jogo e teve duas finalizações nos primeiros 15 minutos, uma com Gabriel e outra com Vital. Depois disso, o Bahia controlou o duelo e tentava encontrar alguém livre na entrada da área para ameaçar Cássio. Thaciano recebeu um belo passe, porém dominou mal aos 19 minutos, enquanto Juninho, logo depois, cabeceou com perigo.

Caminho pelo alto

Na volta do intervalo, o Timão estava melhor, apostando principalmente nas bolas aéreas. Após um tiro de meta mal batido de Matheus Teixeira, o Corinthians rodou a bola e Fagner achou lindo cruzamento para Ramiro. No entanto, o arqueiro do Tricolor se redimiu e espalmou a bola.

Árbitro e atacantes aparecem

Apagados na primeira etapa, principalmente pela falta de criatividade dos clubes, o árbitro Bruno Arleu de Araujo e os centroavantes Gilberto e Jô conseguiram aparecer. Aos 15, Gabriel elevou demais o pé, acertou Patrick de Lucca e levou o amarelo. O lance gerou revolta de alguns jogadores do Bahia, que queriam a expulsão. Mais exaltado, Matheus Bahia também foi amarelado.

Na cobrança de falta de Rossi, Gilberto subiu sozinho e cabeceou firme, mas sem direção. A resposta veio logo em seguida, em lance que nasceu novamente nos pés de Fagner. A bola passou por toda área e quando Jô aparecia solto na segunda trave para balançar a rede, foi surpreendido por Matheus Bahia, que desviou.

VAR ignorado

Vitinho, que entrou na vaga de Roni, foi levemente tocado por Thonny Anderson, que veio na vaga de Thaciano, antes de finalizar uma bola para longe do gol aos 27. Rodrigo Nunes de Sá, no vídeo, recomendou a revisão, que foi feita pelo árbitro da partida. Contudo, após olhar o monitor, Bruno Arleu nada assinalou.

Última e melhor chance

Na segunda bola que o time da casa mandou no alvo veio aos 44 minutos do segundo tempo, entretanto levou perigo para Cássio. Thonny Anderson recebeu um bom passe de Óscar Ruíz, e conseguiu girar para bater firme e obrigar Cássio a se esticar para defender.

Ficha técnica

BAHIA 0 x 0 CORINTHIANS
Data: 20/06/2021
Local: Estádio do Pituaçu, em Salvador (BA);
Hora: 16h (de Brasília)
Árbitro: Bruno Arleu de Araujo (RJ);
Auxiliares: Rodrigo Figueiredo Henrique Correa (RJ) e Carlos Henrique Alves de Lima Filho (RJ).
VAR: Rodrigo Nunes de Sá (RJ).

Cartões amarelos: Matheus Bahia (BAH); Roni, Gabriel, Ramiro (COR).

Bahia: Matheus Teixeira, Renan Guedes, Conti, Juninho e Matheus Bahia; Patrick de Lucca (Jonas), Thaciano (Thonny Anderson) e Daniel; Rossi (Maycon Douglas), Rodriguinho e Gilberto (Óscar Ruiz). Técnico: Dado Cavalcanti.

Corinthians: Cássio, Fagner, João Victor, Gil e Fábio Santos; Gabriel, Roni (Vitinho) e Cantillo; Ramiro (Adson), Mateus Vital (Araos) e Jô (Cauê). Técnico: Sylvinho.

Futebol