PUBLICIDADE
Topo

Cruzeiro

Mozart é nome na lista do Cruzeiro e espera contato para treinar a Raposa

Mozart, ex-treinador de CSA e Chapecoense, interessa ao Cruzeiro - Dinho Zanotto/AGIF
Mozart, ex-treinador de CSA e Chapecoense, interessa ao Cruzeiro Imagem: Dinho Zanotto/AGIF

Guilherme Piu

Do UOL, em Belo Horizonte

10/06/2021 04h01

Classificação e Jogos

A saída do técnico Felipe Conceição após a eliminação do Cruzeiro na terceira fase da Copa do Brasil dá ao novo diretor de futebol do clube, Rodrigo Pastana, o seu mais importante trabalho à frente da pasta em sua primeira semana na Toca II. O nome de Mozart, ex-CSA e Chapecoense, está na lista de preferências da Raposa, que, entretanto, ainda não fez contato com o profissional.

Segundo apurou o UOL Esporte, Mozart segue à espera de uma proposta sedutora para voltar a trabalhar. Clubes como Vitória e Ponte Preta já procuraram o treinador, que rechaçou os convites. E se o interesse de paulistas e baianos em um primeiro momento não agradou, seria diferente se surgisse a oportunidade de trabalhar em Minas Gerais.

Mozart, segundo fonte ligada ao treinador, teria interesse em dirigir no Cruzeiro no restante da temporada. Sem trabalhar desde o fim de maio, quando foi demitido da Chapecoense, Mozart deixou o clube Condá após perder a final do Campeonato Catarinense para o Avaí. Em oito jogos no clube foram três vitórias, três empates e duas derrotas.

O trabalho de destaque mesmo de Mozart foi no CSA, pelo qual o técnico atuou ao lado de Rodrigo Pastana. O comandante chegou em setembro no clube alagoano e mudou o patamar da equipe na Série B 2020, saindo do Z-4 para brigar por uma vaga na elite do futebol nacional.

O CSA terminou a Série B de 2021 na quinta colocação e com chance de acesso até a última rodada. Ele foi procurado pelo Coritiba na época, mas rejeitou o convite e permaneceu na equipe nordestina.

Pelo CSA foram 46 jogos, 21 vitórias, 17 empates e 8 derrotas. Mozart só deixou a equipe pelo convite que recebeu da Chapecoense, já em 2021.

Cruzeiro