PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Mercado da bola: Gerson vendido pelo Flamengo e recuo de Sergio Ramos

Negociação envolvendo o meio-campista brasileiro foi finalizada hoje com anúncios de Fla e Olympique - Bruna Prado/UOL
Negociação envolvendo o meio-campista brasileiro foi finalizada hoje com anúncios de Fla e Olympique Imagem: Bruna Prado/UOL

Do UOL, em São Paulo

09/06/2021 13h42

O mercado da bola segue agitado neste início de mês, com confirmações de transferências e mais rumores sobre o futuro de craques do futebol.

No Brasil, o destaque da manhã ficou por conta da oficialização da venda de Gerson ao Olympique de Marselha. Já na Europa, a imprensa espanhola crava que o zagueiro Sergio Ramos recuou e pode assinar a renovação com o Real Madrid nos próximos dias.

O UOL Esporte destaca as principais notícias do dia envolvendo o mundo da bola. Confira:

Fla vende Gerson

O Flamengo anunciou o acordo para a transferência do volante Gerson ao Olympique de Marselha, da França. O jogador, que está retornando de compromissos com a seleção olímpica na Sérvia, deve partir para o futebol europeu no fim do mês e assinar por cinco anos com a nova equipe.

A quantia total do negócio pode chegar a 30 milhões de euros (cerca de R$ 190 milhões) caso o atleta atinja determinadas metas.

Sampaoli quer Coutinho

O Olympique, aliás, mira outro brasileiro para a equipe treinada por Jorge Sampaoli: Philippe Coutinho.

Segundo o 'Mundo Deportivo', o presidente do clube francês, Pablo Longoria, quer continuar 'pensando grande' e trazer reforços de peso para a equipe. Coutinho ainda tem mais dois anos de contrato com o Barcelona, que o coloca como transferível.

A novela continua...

... mas as negociações entre Real Madrid e Sergio Ramos podem estar perto do fim.

O zagueiro, cujo vínculo com o clube se encerra no final de junho, pensa em aceitar a proposta da diretoria: a renovação de contrato por um ano. A informação é do jornal espanhol Marca.

Mudanças no Chelsea?

O Chelsea está disposto a mandar Emerson Palmieri e Christensen e dinheiro para a Inter de Milão em busca da contratação de Hakimi, segundo o jornalista Gianluca Di Marzio.

A equipe do recém-chegado Simone Inzaghi, no entanto, não planeja deixar o lateral direito marroquino sair por menos do que 70 milhões de libras (quase R$ 500 milhões).

Futebol