PUBLICIDADE
Topo

Futebol

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

José Trajano: Neymar foi um fiasco esse ano em termos de disputas grandes

Do UOL, em São Paulo

26/05/2021 12h34

Com um elenco cheio de estrelas, como Neymar e Mbappé, o Paris Saint-Germain perdeu o título francês para o Lille, que encerrou a série de três troféus consecutivos da equipe parisiense, que conta com o dinheiro do Qatar para a montagem de sua equipe visando também o protagonismo no continente.

Em sua participação no programa UOL News Esporte, com Domitila Becker, José Trajano afirma que o time parisiense tinha a obrigação de vencer o Campeonato Francês, da mesma forma que o Flamengo no Campeonato Carioca, devido à superioridade em relação aos rivais em termos técnicos e financeiros.

"Devia todo mundo ajoelhar no milho os dirigentes do PSG, o sultão lá, o dono do Qatar, devia todo mundo ajoelhar no milho como aqueles filmes que a gente vê, que era a punição para jovens na escola, porque com o dinheiro que é gasto no PSG, com o elenco que tem, porque ganhar o Campeonato Francês para o PSG é obrigação, é a mesma coisa com o Flamengo no Campeonato Carioca", diz Trajano.

"O Flamengo tem a obrigação de ser campeão carioca com os times do jeito que estão. Você vê que o Fluminense, que é o melhorzinho, chegou até a final, mas não conseguiu passar pelo Flamengo, o Vasco e o Botafogo a gente sabe que vivem dificuldades tremendas, mas o PSG tem obrigação enorme de ser campeão", completa.

Trajano também analisa a participação de Neymar na temporada do Paris Saint-Germain e considera que o brasileiro foi um fiasco nas grandes competições.

"É um feito extraordinário para o Lille, um time menor, desbancar o Paris Saint-Germain, cheio de estrelas, cheio de banca, o Neymar foi um fiasco esse ano em termos de disputa grande. O time não foi para a final da Champions, ganhou a Copa da França", conclui

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Futebol