PUBLICIDADE
Topo

Inglês - 2020/2021

Com dois de Aguero, Manchester City goleia o Everton por 5 a 0 no Inglês

Aguero comemora com companheiros após marcar para o Manchester City contra o Everton pela Premier League - Carl Recine/Reuters
Aguero comemora com companheiros após marcar para o Manchester City contra o Everton pela Premier League Imagem: Carl Recine/Reuters

Colaboração para o UOL, em São Paulo

23/05/2021 13h53

O Manchester City entrou em campo na tarde de hoje como o campeão do Campeonato Inglês e venceu o Everton com tranquilidade por 5 a 0. Os gols da partida foram marcados por Kevin De Bruyne, Gabriel Jesus, Phil Foden e dois de Aguero.

A partida foi a despedida de Kun Aguero do Etihad Stadium, sua casa nos últimos dez anos. O astro argentino é o maior artilheiro da história do clube com 260 gols em 389 jogos.

Mesmo com o título garantido, o Manchester City não aliviou para o Everton. Logo aos 11 minutos, Mahrez deu bom passe para De Bruyne e o belga acertou belo chute de fora da área para abrir o placar, para alegria dos 10 mil torcedores presentes no estádio.

Apenas três minutos depois, o time de Pep Guardiola conseguiu interceptar a bola no meio de campo e iniciou o contra-ataque. Gabriel Jesus carregou até a área, driblou o zagueiro e balançou as redes de Pickford. Esse foi o gol de número 50 do brasileiro na Premier League, em 130 partidas.

O Everton começou a levar mais perigo na parte final da primeira etapa. Aos 35, Richarlison avançou em velocidade e foi derrubado dentro da área tanto por Rúben Dias quanto por Ederson e o árbitro marcou a penalidade. Sigurdsson bateu, mas o goleiro brasileiro fez uma bela defesa para evitar o gol.

Nos últimos minutos do primeiro tempo, Sterling tocou na entrada da área para Mahrez, que acertou ótimo chute, mas a bola parou no travessão.

A segunda parte do jogo começou com ritmo mais leve. O Everton passou a ocupar mais o campo de ataque, tentando diminuir a diferença no placar. O City passou a aproveitar os erros nas saídas de bola do adversário.

A equipe de Manchester marcou novamente em bela jogada que passou pelos pés de Gabriel Jesus e Sterling. O inglês tocou para Phil Foden, que não perdoou e mandou para as redes.

Aos 64, Pep Guardiola colocou Sergio 'Kun' Aguero para jogar, pela última vez, no Etihad Stadium com a camisa do Manchester City. A torcida dos Citizens presente no estádio comemorou a entrada do atacante como se fosse um gol.

Aguero cumprimenta Guardiola antes de entrar em campo pela última vez com a camisa do Manchester City pela Premier League - Dave Thompson/Reuters - Dave Thompson/Reuters
Aguero cumprimenta Guardiola antes de entrar em campo pela última vez com a camisa do Manchester City pela Premier League
Imagem: Dave Thompson/Reuters

Com poucos minutos em campo, Aguero conseguiu marcar mais um gol com a camisa City. Logo em seguida, aos 31, o argentino fez o seu segundo na partida. Os dois gols foram com assistências de Fernandinho.

A partida também teve um significado especial para Aguero: o atacante argentino se tornou o jogador que mais vezes balançou as redes por um mesmo clube na Premier League, com 184 gols.

O Everton finalizou sua participação no Campeonato Inglês na 8ª colocação e não conseguiu alcançar a zona de classificação para as competições europeias.

O Manchester City terminou o Campeonato Inglês com 86 pontos, com uma campanha de 27 vitórias em 38 jogos. Mas a temporada ainda não terminou para o time de Pep Guardiola: no próximo sábado (29), às 16h (de Brasília), os Citizens vão enfrentar o Chelsea na grande final da Liga dos Campeões.

Manchester United venceu o Wolverhampton por 2 a 1

Neste domingo, 23, o Manchester United finalizou a sua participação na Premier League. O United foi o time que mais chegou perto do líder, City, e terminou o campeonato na segunda colocação, com 74 pontos. Os gols da partida foram marados por Elanga e Juan Mata, para os Red Devils, e Semedo, para os Wolves.

Juan Mata comemora após marcar para o Manchester United contra o Wolverhampton pelo Campeonato Inglês - Matthew Ashton/Getty Images - Matthew Ashton/Getty Images
Juan Mata comemora após marcar para o Manchester United contra o Wolverhampton pelo Campeonato Inglês
Imagem: Matthew Ashton/Getty Images

GOL DO GAROTO
O Manchester United conseguiu se sair melhor no início da partida deste domingo, e pressionou bastante o time do Wolverhampton. Aos treze minutos de jogo, Daniel James encontrou Anthony Elanga, que colocou os Diabos Vermelhos na frente e marcou o seu primeiro gol pela equipe.

EMPATE
Já perto do final da primeira etapa, o Manchester United viu a equipe do Wolverhampton deixar tudo igual no placar da partida. Aos 39 minutos, o lateral Nelson Semedo recebeu a assistência de Fábio Silva para marcar o gol de empate.

PÊNALTI
Nos acréscimos do primeiro tempo, aos 47 minutos, o Manchester United encontrou-se aliviado. A equipe dos Diabos Vermelhos viu um pênalti em Van de Beek ser assinalado, contando com Juan Mata para convertê-lo aos 49 minutos.

SEM GOLS
Ao contrário da primeira etapa da partida, o segundo tempo não teve gol algum. Os 45 minutos finais do confronto do Molineux Stadium viu o United ir pouco ao ataque, além de uma grande falta de precisão da equipe do Wolverhampton.