PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Mancini vê evolução do Corinthians: "se não jogar bem, que ganhe os jogos"

Mancini entende oscilações do Timão em começo de temporada - Ettore Chiereguini/AGIF
Mancini entende oscilações do Timão em começo de temporada Imagem: Ettore Chiereguini/AGIF

Do UOL, em São Paulo

12/04/2021 00h32

O técnico Vagner Mancini não deixou o estádio Brinco da Princesa plenamente satisfeito com o desempenho do Corinthians na vitória por 1 a 0 sobre o Guarani, hoje (11), pelo Campeonato Paulista. Mas entendeu que a oscilação faz parte do crescimento da equipe na temporada 2021.

Em uma jornada ruim, com muitos erros de passes e pouca criatividade, o Corinthians contou com gol do jovem Cauê, de 18 anos, para conquistar a quarta vitória no Paulistão. O resultado aumentou para dez o número de jogos de invencibilidade do Timão, que não sabe o que é perder desde 17 de fevereiro.

"Vencer é sempre importante porque soma pontos importantes e tem como ir arrumando a equipe de maneira mais convicta. É óbvio que sabemos que temos lastro para jogar melhor, ter mais posse de bola, chegar mais na frente, finalizar mais. E isso vai acontecer mais cedo ou mais tarde", justificou Mancini.

Para o treinador, a sequência de bons resultados também ajuda no amadurecimento dos atletas mais jovens. "Para esse momento de mudança, com entrada de jovens, é necessário que vença as partidas para ter confiança. Se queremos maturar atletas, é importante que as vitórias cheguem para dar confiança a eles. Precisamos ter paciência para que todos os meninos entendam suas funções que são diferentes do que faziam no sub-17 ou sub-20."

Sobre o duelo com o Guarani, Mancini viu um defeito grave que vai além da oscilação apresentada. "Mesmo errando, não vi o Corinthians desistindo de jogar bom futebol, mas que errou muitos passes. Eu vi erros de passes que atrapalharam a sequência de jogadas. O Cássio sempre tentou sair jogando e, quando a bola passava no meio-campo, tinha dificuldade. Com a entrada do Cantillo, a equipe evoluiu. E mesmo com as dificuldades, porque o Guarani nos importunou, tivemos mais a posse de bola, vivemos momentos bons e ruins".

No entanto, o treinador também comemorou o fato de o Timão ter mostrado novidades em sua forma de atuar. "O Corinthians não atingiu o que queremos e é natural que a equipe sinta com tantas mudanças. Deu para ver coisas interessantes nesse jogo. Por exemplo, o time finalizou em uma saída de bola de tiro de meta. O time fez marcação adiantada que não vinha fazendo. É claro que teve adversidades porque do outro lado também tem uma equipe que treina. É óbvio que todo mundo quer ganhar jogando bem. Mas enquanto não está jogando bem, que ganhe as partidas."

Futebol