PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Em estreia como titular, Cauê garante vitória do Corinthians no Paulistão

Cauê comemora gol do Corinthians contra o Guarani - Agência Corinthians
Cauê comemora gol do Corinthians contra o Guarani Imagem: Agência Corinthians

Do UOL, em São Paulo

11/04/2021 21h58

O Corinthians contou com a estrela de um novato para derrotar o Guarani, por 1 a 0, hoje (11), no estádio Brinco de Ouro, em Campinas (SP), pelo Campeonato Paulista. Em jogo ruim dos alvinegros, o Timão conseguiu um gol salvador marcado por Cauê, de apenas 18 anos de idade, para conquistar a quarta vitória no Estadual.

Foi apenas a quarta partida de Cauê com a camisa do Corinthians e sua primeira como titular. Ele saiu jogando no lugar de Jô e deixou o campo aos 35 minutos do segundo tempo por sentir dores musculares.

O resultado levou o Corinthians a 14 pontos em seis partidas, alcançando a melhor campanha do Paulistão. A equipe dirigida por Vagner Mancini é a líder do Grupo A com nove pontos de vantagem sobre o Santo André. O Timão não sabe o que é perder há dez partidas —cinco vitórias e cinco empates. A última derrota da equipe alvinegra aconteceu no dia 17 de fevereiro, diante do Santos, pelo Campeonato Brasileiro.

Já o Guarani completa três jogos sem vitória e é o terceiro colocado do Grupo D, com cinco pontos —Mirassol e Santos estão à frente.

A próxima partida do Corinthians será nesta terça-feira (13), em Araraquara (SP), contra a Ferroviária. O Guarani tentará a reabilitação no dia seguinte diante do São Paulo, no Morumbi.

O melhor: Bruno Méndez

Em um duelo em que os atacantes pouco apareceram, o destaque ficou para o zagueiro do Corinthians. Ele ocupou o lado direito da defesa e foi bastante eficiente nas disputas com os adversários e, especialmente, na cobertura de Fagner, que tradicionalmente é a principal válvula de escape do Timão. Dá para dizer que, se não fosse o bom desempenho defensivo do uruguaio, o Corinthians não teria chegado à quarta vitória no Paulistão

Disposição x técnica

Esse foi o grande duelo do primeiro tempo. Com os times cometendo erros na troca de passes, a bola não chegava redonda ao ataque. Como consequência, tanto Guarani quanto Corinthians foram pouco criativos e não criaram boas oportunidades para abrir o marcador. Sobrou correria e faltou inspiração.

Novatos não aparecem

Os grandes prejudicados do Corinthians com o estilo aguerrido que os times praticaram no primeiro tempo foram os novatos. Vitinho e Cauê, escalados como titulares nos lugares de Cazares e Jô, precisavam ter a bola no pé, mas não tiveram nem chance para brilhar. A melhor chance do Timão aconteceu em um chute de Ramiro por cima do gol aos 36 minutos. "O time criou poucas oportunidades, tem que estar mais concentrado na saída de bola para chegar para o pessoal da frente finalizar. Tá faltando um pouco de tudo, tem que melhorar tecnicamente", diagnosticou Ramiro no intervalo.

Estreante inspirado

O meio-campista Régis, contratado já com o Campeonato Paulista em andamento, foi o jogador de maior inspiração do Guarani no primeiro tempo. As poucas boas jogadas de ataque tinham de passar pelos pés de seu armador. Mas os erros no último passe impediram o Bugre de conseguir uma finalização de perigo contra o gol de Cássio.

Guarani com tudo

Os primeiros dez minutos da etapa final foram de domínio do Guarani. O Bugre obrigou o goleiro Cássio a fazer uma grande defesa logo aos 3 minutos em cabeceio de Índio. O time campineiro também tramou boas jogadas pelo lado direito, envolvendo Andrigo e Régis, mas sem terminar em finalizações de perigo.

Maior chance bugrina

Saiu dos pés do bugrino Régis a melhor chance de gol da partida. Em um rápido contragolpe, Andrigo arrancou pelo meio e tocou para Régis. O meia ajeitou da entrada da área e chutou no canto esquerdo, acertando a trave de Cássio. Mostrando que buscaria a vitória até o fim, Guarani voltou a ter boa oportunidade cinco minutos depois, em uma arrancada de Bruno Sávio pela esquerda. Já dentro da área, ele limpou um defensor alvinegro e chutou para defesa do goleiro corintiano.

Estrela do garoto

Se o Corinthians não conseguiu resolver na técnica, conseguiu chegar à vitória no sufoco, graças ao faro de goleador do mais jovem jogador do time titular. Cauê teve sua primeira oportunidade como titular e não decepcionou ao marcar o gol decisivo aos 27 minutos do segundo tempo. A bola cruzada por Léo Natel confundiu o goleiro Gabriel e bateu na trave. No rebote, o atacante de 18 anos mergulhou de cabeça e mandou para o gol.

FICHA TÉCNICA

Guarani x Corinthians
Motivo: 11ª rodada do Campeonato Paulista
Data: 11 de abril de 2021 (domingo)
Horário: 20h
Local: estádio Brinco de Ouro, em Campinas (SP)
Árbitro: Luiz Flávio de Oliveira (SP)
Assistentes: Anderson José de Moraes Coelho (SP) e Leonardo Tadeu (SP)
VAR: José Cláudio Rocha Filho (SP)
Cartões amarelos: Índio, Rodrigo Andrade e Bruno Sávio (Guarani); Otero (Corinthians)
Gols: Cauê, aos 27min do segundo tempo

Guarani: Gabriel Mesquita; Éder Sciola, Romércio, Airton e Bidu; Índio (Tony), Régis (Renanzinho) e Rodrigo Andrade; Andrigo (Rafael Costa), Júlio César (Matheus Souza) e Bruno Sávio. Técnico: Allan Aal

Corinthians: Cássio; Fagner, Gil, Bruno Méndez e Fábio Santos; Gabriel, Ramiro (Cantillo), Rodrigo Varanda (Otero), Vitinho (Camacho) e Gustavo Mosquito (Léo Natel); Cauê (Jô). Técnico: Vagner Mancini

Futebol