PUBLICIDADE
Topo

Vasco

Após Caldense, Vasco encara outra 'pedra no sapato' de Atlético e Cruzeiro

Vasco encerrou a preparação para o duelo na Copa do Brasil com um treino ontem no CT do Tombense - Rafael Ribeiro / Vasco
Vasco encerrou a preparação para o duelo na Copa do Brasil com um treino ontem no CT do Tombense Imagem: Rafael Ribeiro / Vasco

Bruno Braz e Guilherme Piu

Do UOL, no Rio de Janeiro e em Belo Horizonte

07/04/2021 04h00

Classificação e Jogos

Após se classificar na Copa do Brasil com um empate suado contra a Caldense por 1 a 1, o Vasco encara hoje (7), às 21h30, em Tombos (MG), o Tombense pela segunda fase da competição. Em comum entre os dois clubes do interior de Minas Gerais está o fato de serem 'pedras no sapato' de Atlético-MG, Cruzeiro e América-MG nos últimos anos no Campeonato Mineiro.

Desde 2012, a dupla foi a única que apareceu no vice-campeonato sem ser do "Trio de Ferro". A Caldense foi vice em 2015 e o Tombense ficou em segundo lugar ano passado, além de ter sido campeão da Recopa Mineira, torneio em jogo único entre o campeão do interior e o da Taça Inconfidência Mineira.

No Estadual desta temporada, por exemplo, a Caldense já venceu o Cruzeiro e o América-MG por 1 a 0, e o Atlético-MG por 2 a 1, ocupando a quinta colocação com o mesmo número de pontos que a Raposa (4º) e o Pouso Alegre (3º).

Já o Tombense teve um início de competição razoável. São duas vitórias, quatro empates e uma derrota, desempenho que o coloca exatamente no meio da tabela, na sexta posição.

Titular do Vasco, o volante Andrey pregou respeito ao adversário desta noite e destacou o trabalho de análise feito pelo técnico Marcelo Cabo.

"Um jogo muito importante. Treinamos bastante em cima do que o professor analisou da equipe do Tombense. Ele nos passou os pontos fortes e fracos. Estamos preparados e motivados para esse jogo. Se trata de uma competição importante para o grupo e para o Vasco", declarou ao site oficial do Cruz-Maltino.

Um dos mais experientes do atual elenco, o lateral direito Léo Matos garantiu que o Vasco chega preparado para o duelo:

"Partida de extrema importância para o decorrer da nossa temporada. A Copa do Brasil é uma competição que podemos conquistar, a concentração para esse jogo de amanhã [hoje] precisa ser total. Sobre o Tombense, já estudamos algumas coisas. O Marcelo nos passou algumas informações e em casa mesmo fomos estudando. Vamos chegar preparados amanhã. Estamos confiantes e vamos buscar essa vaga."

Tombense é administrado por empresário Eduardo Uram

Desde 1997, o Tombense tem um projeto de parceria com o empresário Eduardo Uram e sua empresa, a Brazil Soccer. O agente utiliza o clube para inscrições de atletas e também para dar rodagem a alguns jogadores de seu vasto portfólio.

Há casos, inclusive, de jogadores que foram negociados para equipes europeias, geraram lucro ao Tombense, mas sequer chegaram a atuar pelo Carcará, casos do atacante Lucas Paquetá (ex-Flamengo) e o atacante Evanílson (ex-Fluminense).

Vasco tem recepção calorosa

Atacante Gabriel Pec é tietado por torcedores do Vasco na chegada da delegação em Minas Gerais - Rafael Ribeiro / Vasco - Rafael Ribeiro / Vasco
Atacante Gabriel Pec é tietado por torcedores do Vasco na chegada da delegação em Minas Gerais
Imagem: Rafael Ribeiro / Vasco

O Vasco teve uma recepção calorosa em sua chegada à cidade de Pedra Dourada (MG), que faz fronteira com Tombos e onde a delegação está hospedada para a partida.

Após uma viagem de ônibus leito, o elenco e a comissão técnica foram recebidos por torcedores vascaínos da região da Zona da Mata mineira na entrada do hotel. Alguns jogadores pararam para tirar fotos e dar autógrafos, e o jovem atacante Gabriel Pec foi um dos mais tietados.

"Ficamos muito felizes com essa recepção. Infelizmente, ainda estamos vivendo a pandemia e não tivemos como dar atenção que todos merecem, mas fazemos questão de agradecer pela bonita festa. Vamos dar o nosso máximo para presentear todos com a classificação", disse Pec.

Ontem (6) na parte da tarde, o elenco encerrou a preparação para o duelo com um treinamento à tarde no CT do Tombense.

Duelo é encarado como decisão pelo Vasco

O Vasco encara o jogo como uma decisão, tanto do ponto de vista esportivo como também no financeiro. Em caso de classificação, o clube terá direito à premiação de R$ 1,7 milhão.

Por conta da importância da partida, o Cruz-Maltino levou praticamente sua força máxima para o duelo em Minas Gerais.

Poupados na vitória por 4 a 2 sobre o Bangu, pelo Campeonato Carioca, no último fim de semana, os zagueiros Leandro Castan e Ernando, o lateral direito Léo Matos, o meia Marquinhos Gabriel e o atacante Germán Cano foram relacionados para a viagem, assim como os atacantes Léo Jabá e Morato, que foram recentemente contratados e que poderão estrear.

Anunciado como reforço no último domingo (4), o goleiro Vanderlei ficou no Rio de Janeiro e ainda não tem previsão para atuar. Ele ainda não foi apresentado oficialmente.

FICHA TÉCNICA:

TOMBENSE x VASCO

Competição: Copa do Brasil - segunda fase
Local: estádio Antônio Guimarães de Almeida, em Tombos (MG)
Hora: 21h30 (horário de Brasília)
Árbitro: Leandro Pedro Vuaden (RS)
Auxiliares: Jorge Eduardo Bernardi (RS) e José Eduardo Calza (RS)

TOMBENSE: Felipe; David, Wesley, Matheus Lopes, Manoel, Rodrigo, Paulinho Dias, Jhemerson, Rubens, Caíque e Keké. Técnico: Bruno Pivetti

VASCO: Lucão; Léo Matos, Ernando (Miranda), Ricardo Graça (Leandro Castan) e Zeca; Andrey, Bruno Gomes, Galarza e Marquinhos Gabriel; Gabriel Pec (Morato) e Germán Cano. Técnico: Marcelo Cabo

Vasco