PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Príncipe de Johor pode investir R$ 2,5 bi pelos direitos do Valência

Sevilla jogando a Liga dos Campeões contra o Chelsea  - David Ramos/Getty Images
Sevilla jogando a Liga dos Campeões contra o Chelsea Imagem: David Ramos/Getty Images

Colaboração para o UOL, em São Paulo

01/03/2021 22h59

Uma publicação feita nas redes sociais de Tunku Ismail ibni Sultan Ibrahim, o príncipe de Johor, levantou a possibilidade de um estudo sobre a possível compra do Valência pelo valor de 408 milhões de euros, aproximadamente R$ 2,5 bilhões.

Nos 'prints' postados pelo príncipe com um emoji pensativo, aparecem alguns relatórios do real momento da equipe espanhola. Além disso, em uma das capturas de tela, aparece um relatório da Consultancy Europe que atribui um valor de R$408 milhões de euros ao Valência.

De acordo com informações do jornal 'Marca', estima-se que os dois amigos podem estar trabalhando em um investimento alto para conseguir comprar o time.

Em um recente esclarecimento feito pelo presidente do Valência, Anil Murthy, em uma Assembleia Geral Ordinária, não é cogitável a venda da equipe e reforçaram o fato de que Peter Lim é apenas um investidor, que coloca dinheiro no clube.

"Já dissemos muitas vezes que a Meriton não vende. Além do mais, a única coisa que o Sr. Lim tem feito é continuar a colocar dinheiro no clube. O seu compromisso com a continuidade é demonstrado por esta gestão responsável num momento tão difícil como o atual", explicou.

Esta não é a primeira vez que o bilionário pensa na possibilidade de investimento. O bilionário do Sultano de Johor, estado da Malásia, faz parte do ciclo de convivência de Peter Lim, empresário que detém 70% dos direitos da equipe espanhola.

Futebol