PUBLICIDADE
Topo

La Liga - 2020/2021

Gabriel Paulista cai no choro ao falar de possível queda do Valencia

Zagueiro se emocionou, mas prometeu reação da equipe - Reprodução
Zagueiro se emocionou, mas prometeu reação da equipe Imagem: Reprodução

Do UOL, em São Paulo

28/02/2021 10h02Atualizada em 28/02/2021 10h43

Classificação e Jogos

O Valencia é atualmente o 14º colocado do Campeonato Espanhol, com 27 pontos em 25 jogos — seis pontos a mais que o Real Valladolid, que tem um jogo a menos e abre atualmente a zona de rebaixamento. Mas a preocupação com um possível descenso é tamanha que até mesmo levou o zagueiro Gabriel Paulista às lágrimas.

Após a derrota fora de casa ontem por 3 a 0 para o Getafe, o brasileiro foi questionado a respeito da situação do Valencia - quarto colocado na temporada 2018/2019, o time foi nono na temporada 2019/2020 e sinaliza desempenho em queda para a temporada 2020/2021. E se emocionou ao responder.

"É f... escutar isso. Um clube tão grande como o Valencia... Escutar isso é f..., mas temos que reagir. Temos muitas partidas pela frente. Vamos melhorar e vamos levar o Valencia ao lugar que clube merece", disse, com os olhos marejados.

Ao fim das declarações, Gabriel Paulista continuou perto do espaço dedicado às entrevistas, já ocupado por um atleta do Getafe. Enquanto chorava, era consolado por um funcionário do departamento de comunicação do Valencia.

"Tem sido muito difícil jogar fora de casa e ter uma sequência boa de vitórias. Nos preparamos para vir e buscar os três pontos, e foi uma partida em que fomos muito mal. Agora temos que esfriar a cabeça e pensar na próxima partida, que temos que ganhar", declarou ainda o defensor.

O jornal Marca classificou a cena como "impactante", dando razão ao choro do jogador.

"Paulista chorar como chora o valencianismo. Chora de pena, de raiva e de impotência depois de uma partida na qual foi claramente inferior e na qual não chutou a gol diante de um Getafe que vinha de seis partidas sem ganhar", analisou a publicação.

"O Valencia está abandonado à própria sorte desde o começo da temporada, e a realidade tem piorado com o passar dos meses", acrescentou.