PUBLICIDADE
Topo

UOL Esporte vê TV

Robinho: 'Se não fosse o processo, talvez minha carreira estivesse pior'

Robinho assiste à partida Santos x Atlético-GO, na Vila Belmiro - Ettore Chiereguini/AGIF
Robinho assiste à partida Santos x Atlético-GO, na Vila Belmiro Imagem: Ettore Chiereguini/AGIF

Colaboração para o UOL, em São Paulo

18/10/2020 01h07

O atacante Robinho, que teve o contrato com o Santos suspenso na última sexta-feira (16), afirmou que sua carreira poderia estar em um estágio pior se ele não fosse acusado de estupro na Itália. O atleta foi condenado pelo crime em primeira instância e recorre da sentença. O jogador afirmou que a partir do momento em que soube do processo, passou a tomar mais cuidado principalmente com sua vida fora de campo.

"Se não fosse o processo, talvez minha carreira estivesse pior, talvez eu não estivesse jogando bem como estou. Eu passei a me cuidar mais depois do que aconteceu", disse o jogador em entrevista ao Aqui com Benja, do Fox Sports.

O jogador ainda afirmou que seu casamento esteve em perigo, e que sua esposa cogitou a separação após saber da traição. No entanto, Robinho disse que ela o perdoou e que essa atitude fez com que ele decidisse mudar de vida.

"Foi muito difícil. Minha esposa queria terminar o relacionamento. Já tínhamos dois filhos. Mas ela me perdoou. E por causa do que ela fez, eu me aproximei de Deus, eu me converti. Foi um momento muito difícil, péssimo, da minha vida pessoal. Mas superamos e hoje estou mais perto de Deus por causa disso. (...) Quando chegou a notificação sobre o processo, foi muito difícil, eu chorei muito, mas contei a verdade para minha esposa", acrescentou.

O atleta ainda deixou um conselho a jogadores que estão iniciando a carreira, sugerindo que não se deslumbrem com as possibilidades que o dinheiro oferece.

"Que sirva de exemplo aos garotos que estão começando, que respeitem a esposa. Minha esposa está comigo desde os meus 15 anos, então isso mostra que ela nunca teve interesse no meu dinheiro".

Apoio de Neymar

Robinho revelou ainda que recebeu mensagens de apoio de Neymar, que teria se oferecido para ajudar e apoiar o ex-companheiro de Santos.

"O Neymar mandou mensagem. Ele se disponibilizou a ajudar, apoiar. Isso é para ver que não é só comigo, acontece com outros", completou.

UOL Esporte vê TV