PUBLICIDADE
Topo

Botafogo

Botafogo adota cautela no mercado por questões financeiras e inscrições

Bruno Lazaroni conversa com jogadores do Botafogo - Vitor Silva / Botafogo
Bruno Lazaroni conversa com jogadores do Botafogo Imagem: Vitor Silva / Botafogo

Alexandre Araújo e Bernardo Gentile

Do UOL, no Rio de Janeiro (RJ)

09/10/2020 04h00

O Botafogo mapeia o mercado da bola em busca de reforços para o restante da temporada, mas adota cautela para os próximos acertos. Tal cuidado se dá pela questão financeira e também pelo fato de que o clube tem uma margem curta no que diz respeito às inscrições de atletas junto à Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

De acordo com as diretrizes determinadas pela Diretoria de Competições da entidade, o Alvinegro só poderá realizar mais duas trocas na lista. Com isso, a diretoria entende que tem de fazer contratações que sejam as mais certeiras possíveis.

Paralelamente a isso, o Glorioso conversa com a CBF para que possa inserir novos nomes na relação, até por conta de todas as questões que envolvem essa edição do Brasileiro. Segundo o UOL Esporte apurou, outros clubes também fizeram pedidos semelhantes e a entidade analisa.

Além disso, há também a questão financeira. Sem grande poder de investimento, o Botafogo procura soluções que caibam no orçamento e que não comprometam os cofres.

Após a vitória sobre o Palmeiras, na última quarta-feira (7), pelo Campeonato Brasileiro, o técnico Bruno Lazaroni, indicou que vai trabalhar com o elenco que tem à disposição até aqui e deixa a chegada de novos nomes a cargo da diretoria.

"Sinceramente, eu não gosto de participar dessa situação. Acho que tem que ser algo do clube, tem que partir do clube as contratações. Eu vou trabalhar com o elenco que tiver aqui, estou agradecido e confiante que vamos sair dessa situação com esse elenco", disse.

Expectativa por Ronald e Bismarck "travado"

O Botafogo tem tratativas com o Botafogo-SP pelo atacante Ronald e espera ter novas respostas em breve. O formato da negociação já foi passado à cúpula do clube paulista e novos passos podem ser dados nos próximos dias.

No caso de Bismark, um impasse travou as conversas. Inicialmente, as negociações caminhavam para uma rescisão com o Al Qadisiyah, da Arábia Saudita, clube com o qual o atacante ainda tem mais dois anos de contrato. Porém, a diretoria árabe demonstrou não ter a intenção de romper o vínculo neste momento, aceitando negociar apenas se for por empréstimo, o que mudou o cenário.

"Novas" opções

Cícero não conseguiu evitar derrota do Botafogo para o Estrela do Norte-ES durante pré-temporada - Vitor Silva/Botafogo - Vitor Silva/Botafogo
Imagem: Vitor Silva/Botafogo

A diretoria do Botafogo decidiu reintegrar o volante Cícero, o zagueiro Helerson e o atacante Lucas Campos. Os jogadores são aguardados hoje (9) para retomarem os trabalhos junto ao elenco. Desta forma, o técnico Bruno Lazaroni ganha novas opções para a montagem do time.

Botafogo