PUBLICIDADE
Topo

Série B - 2020

Cuiabá vence Cruzeiro e mantém Raposa na zona de rebaixamento da Série B

Cuiabá e Cruzeiro se enfrentam pela Série B do Brasileirão 2020 - Bruno Haddad/Cruzeiro
Cuiabá e Cruzeiro se enfrentam pela Série B do Brasileirão 2020 Imagem: Bruno Haddad/Cruzeiro

Do UOL, em Belo Horizonte

03/10/2020 23h56

Depois de esboçar reação com a vitória sobre a Ponte Preta, o Cruzeiro perdeu por 1 a 0 para o Cuiabá na noite de hoje (3), pela 13ª rodada da Série B. A partida ocorreu na Arena Pantanal, em Mato Grosso.

Com o resultado, os mineiros seguem na 17ª colocação do torneio nacional, com 11 pontos conquistados, e não conseguiram deixar a zona de rebaixamento. O Cuiabá se isola na ponta com 28 pontos, seis a mais que a Chapecoense, vice-líder da competição.

O Cuiabá enfrentará o Juventude, terceiro colocado, na próxima rodada da Série B, no Alfredo Jaconi. O duelo será disputado na terça-feira (6), às 19h15 (de Brasília). O Cruzeiro jogará contra o Sampaio Corrêa no Mineirão. A partida ocorrerá na quinta-feira (8), às 18h30 (de Brasília).

O melhor: Machado

Escalado entre os titulares novamente, Filipe Machado foi o grande destaque do Cruzeiro na derrota para o Cuiabá. O volante foi crucial em criação de jogadas e também na marcação.

O pior: Régis

Sem a mesma inspiração que mostrou na vitória sobre a Ponte Preta, Régis fez uma partida abaixo da expectativa na noite de hoje (3). O camisa 10 do Cruzeiro falhou em lances de criação e também ao finalizar de longa distância. Não à toa, foi substituído por Marcelo Moreno antes dos dez minutos do segundo tempo.

Felipe Marques marca no fim e garante vitória

Acionado no segundo tempo do jogo, Felipe Marques foi crucial para o triunfo do Cuiabá sobre o Cruzeiro. Escolhido para entrar na vaga de Maxwell, o jogador recebeu cruzamento perfeito de Yago para balançar a rede de Fábio já nos acréscimos da etapa final. O gol foi o suficiente para deixar o Cuiabá isolado na primeira colocação da Série B.

Com mais posse, Cruzeiro tem dificuldades na criação

O Cruzeiro teve mais posse de bola que o Cuiabá, com 52%. Mas o time de Ney Franco falhou na criação. Ao todo, foram apenas duas finalizações na direção do gol, contra quatro do adversário. O time mandante teve 11 finalizações ao todo, contra de sete dos visitantes.

FICHA TÉCNICA
CUIABÁ x CRUZEIRO

Motivo: 13ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro 2020
Local: Arena Pantanal, em Cuiabá (MT)
Data: 3 de outubro de 2020 (sábado)
Horário: às 22h (de Brasília)
Árbitro: Jefferson Ferreira de Moraes (GO)
Assistentes: Leone Carvalho Rocha (GO) e Márcio Soares Maciel (GO)
Cartão amarelo: Roberson (Cruzeiro)

Gol: Felipe Marques, aos 49 minutos do 2º tempo (1-0)

Cuiabá: João Carlos; Lucas Ramon, Luiz Gustavo, Anderson Conceição e Romário; Matheus Barbosa, Rafael Gava (Jean Patrick) (Ferrugem) e Elvis; Felipe Ferreira (Yago), Maxwell (Felipe Marques) e Jenison (Élton). Técnico: Marcelo Chamusca.

Cruzeiro: Fábio; Daniel Guedes (Caio Rosa), Manoel, Ramon e Matheus Pereira; Henrique (Ariel Cabral), Filipe Machado e Régis (Marcelo Moreno); Maurício (Rafael Luiz), Arthur Caíke e Sassá (Roberson). Técnico: Ney Franco.