PUBLICIDADE
Topo

Fluminense

'Fatias' de Evanilson deixam Flu com apenas 30% e de mãos atadas em venda

Atacante Evanilson foi vendido para o Porto, de Portugal, e não joga mais pelo Fluminense - Lucas Merçon/Fluminense FC
Atacante Evanilson foi vendido para o Porto, de Portugal, e não joga mais pelo Fluminense Imagem: Lucas Merçon/Fluminense FC

Alexandre Araújo e Bruno Braz

Do UOL, no Rio de Janeiro

08/09/2020 04h00

Classificação e Jogos

Um diamante em plena fase de lapidação e que, de certa forma, escorreu pelas mãos do Fluminense. Promessa desde o sub-20, Evanilson não chegou a um acordo de renovação com o Tricolor no fim do ano passado, acabou sendo emprestado. Nestas idas e vindas, com os direitos sobre o jogador sendo pulverizados, o clube das Laranjeiras ficou apenas com 30% no total, o que o deixou sua diretoria de mãos atadas na venda do jogador para o Porto (POR) nesta semana.

Para entender toda a história, é preciso ir à origem de seu lado comercial: o empresário Eduardo Uram. Ligado ao Tombense, o agente resolveu levá-lo ao clube de Minas Gerais após não chegar a um acordo com o Fluminense. Na ocasião, ficou definido que o atacante seria emprestado ao Tricolor, com os cariocas ficando ainda com 10% de seus direitos econômicos e mais 20% da chamada "taxa de vitrine".

Em destaque nesta temporada, brilhando tanto no Campeonato Carioca quanto no Brasileirão, o jovem atacante passou a despertar o interesse de clubes europeus, como o Crystal Palace, da Inglaterra. Porém, foram os portugueses que surgiram com a proposta mais tentadora, que agradou aos empresários, ao jogador e ao Tombense. Ao Fluminense, coube um mero comunicado de que Evanilson seria vendido.

O Tricolor, por sua vez, ainda tentou, em uma última cartada, convencer o Porto de deixá-lo nas Laranjeiras pelo menos até o fim da competição nacional, mas a sugestão não surtiu efeito.

Em nota oficial, o Fluminense informou que ainda ficará com 6% dos direitos econômicos do atacante em uma futura negociação: "Conforme informado ao Fluminense pelo clube detentor dos direitos federativos do atleta, o atacante Evanilson acertou sua transferência para uma equipe de Portugal. O Tricolor permanecerá com 6% de direitos econômicos sobre o percentual do Tombense numa futura venda que seja realizada pelo clube português".

Evanilson deixa o Fluminense com 27 jogos disputados pelo profissional e 11 gols marcados. Ele foi campeão da Taça Rio de 2020.

Fluminense