PUBLICIDADE
Topo

Palmeiras

Palmeiras pode disputar Hulk com europeus, mas será prioridade no Brasil

Sonho palmeirense, Hulk estará livre no mercado no fim deste ano, quando acabará seu contrato na China - Reprodução/Instagram
Sonho palmeirense, Hulk estará livre no mercado no fim deste ano, quando acabará seu contrato na China Imagem: Reprodução/Instagram

Diego Salgado e José Eduardo Martins

Do UOL, em São Paulo

16/07/2020 04h00

A decisão de Hulk em deixar o Shanghai SIPG, da China, no fim deste ano, fez o Palmeiras voltar a sonhar com a contratação do atacante. Caso busque o acordo, o clube alviverde terá a concorrência de times europeus. No Brasil, porém, seria prioridade do jogador.

Prestes a completar 34 anos, Hulk despertou interesse de pelo menos dois clubes da Europa: Zenit, da Rússia, clube que ele já defendeu, e Galatasaray, da Turquia. Fã declarado do Palmeiras, Hulk enxerga o clube alviverde como primeira opção caso opte por voltar ao futebol brasileiro em 2021.

Nos primeiros meses de 2020, Hulk estreitou relações com o clube do coração. A diretoria do Palmeiras fez uma consulta pelo atacante no início de fevereiro, quando os casos de coronavírus na China já haviam paralisado o futebol do país. Mas os valores dos vencimentos de Hulk, que tem contrato até o fim do ano, afastaram o clube alviverde do negócio.

No mesmo mês, o atleta assistiu à partida Palmeiras x Mirassol no Allianz Parque. Na mesma semana, visitou a Academia de Futebol, onde treinaria durante a passagem pelo Brasil.

Hulk cumpriu quatro anos de contrato com o Shanghai SIPG e tinha a opção de renovação por mais um ano. Por vontade própria, o atacante decidiu encerrar o vínculo com os chineses em dezembro próximo.

O atacante ainda está motivado por novos desafios. A questão financeira, segundo ele mesmo, não é prioridade no momento. Dessa forma, um acerto financeiro para o retorno ao Brasil se torna mais viável.

Palmeiras