PUBLICIDADE
Topo

Lateral do Grêmio pode fechar um ano sem atuar após nova cirurgia no joelho

Divulgação/Site oficial do Grêmio
Imagem: Divulgação/Site oficial do Grêmio

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

22/05/2020 04h00

Resumo da notícia

  • Lateral direito passou por cirurgia no joelho direito após nova lesão, durante os treinos
  • Previsão nos bastidores indica volta aos jogos em setembro, se houver retorno do futebol até lá
  • Lesão atual não é considerada grave e cirurgia foi feita quinta-feira, em Porto Alegre, sem problemas
  • Jogo mais recente de Leonardo foi diante do Athletico Paranaense, em quatro de setembro de 2019, pela Copa do Brasil

Setembro. Este é o novo mês estimado para retorno de Leonardo Gomes aos jogos, considerando possível liberação das autoridades sanitárias para volta do futebol em meio à pandemia do novo coronavírus. A previsão é consequência da nova cirurgia realizada no joelho direito do lateral do Grêmio. O procedimento ocorreu ontem (21), em Porto Alegre.

A estimativa foi apurada pelo UOL Esporte. Oficialmente, o Grêmio não dá prazo para o retorno de Leonardo Gomes.

Se a previsão se confirmar, o jogador pode fechar um ano sem atuar. O cálculo feito nos bastidores considera período de fisioterapia, reforço muscular e gradual liberação para trabalhos físicos e depois com bola.

Aos 23 anos, Leonardo não atua desde 4 de setembro de 2019, em jogo pela semifinal da Copa do Brasil contra o Athletico Paranaense. Em Curitiba, ainda no primeiro tempo da partida, o camisa seis rompeu mais de um ligamento do joelho e precisou esperar 30 dias para operar o local. O procedimento foi feito em São Paulo, com especialista escolhido pelo jogador em conjunto com médicos gremistas.

Leonardo recebe alta médica hoje (22) e ficará em repouso até domingo. Na segunda-feira, o lateral é aguardado no CT Presidente Luiz Carvalho para iniciar fisioterapia.

O prazo de retorno de Leonardo ao futebol era final de maio, mas a previsão ficou para trás em virtude da pandemia e da nova lesão no joelho. O problema na articulação foi diagnosticado durante treinos físicos e, segundo os médicos, não tem conexão com a primeira lesão.

Futebol