PUBLICIDADE
Topo

Santos acerta imagens, mas atrasa salários. Clube culpa "instabilidade"

José Carlos Peres, presidente do Santos, em entrevista coletiva - Ivan Storti/Santos FC
José Carlos Peres, presidente do Santos, em entrevista coletiva Imagem: Ivan Storti/Santos FC

Eder Traskini e Thiago Fernandes

Do UOL, em Santos (SP) e Belo Horizonte (MG)

08/04/2020 18h32

O Santos acertou nos últimos dias dois meses de direitos de imagens que estavam atrasados, mas não pagou os salários de jogadores e funcionários no quinto dia útil, como é praxe no clube.

Membros da diretoria ouvidos pelo UOL Esporte afirmaram que os recursos do clube estão na Caixa Econômica Federal e o sistema do banco apresenta instabilidade devido ao excesso de acessos por causa do auxílio emergencial liberado pelo governo diante da crise causada pela pandemia do coronavírus.

Com férias decretadas, o quadro de funcionários está reduzido e trabalhando em regime home office. Segundo um diretor do clube, o cenário citado trouxe dificuldade para fechar a folha, o que colaborou com o atraso no pagamento.

O Santos irá pagar 100% dos salários neste mês, mas deve discutir uma redução salarial para o próximo mês devido à paralisação do futebol por conta da pandemia do coronavírus. O Peixe acredita que os salários estarão regularizados em breve.

O UOL Esporte procurou o presidente José Carlos Peres para que o mandatário desse sua versão, mas não obteve resposta até o momento desta publicação.

Santos