PUBLICIDADE
Topo

Futebol


Grêmio cancela reapresentação e suspende treinos por tempo indeterminado

Lucas Uebel/Grêmio FBPA
Imagem: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

23/03/2020 15h05

O Grêmio confirmou hoje (23) aquilo que era tendência desde a semana passada. Depois de suspender os treinos por uma semana, o clube gaúcho cancelou a reapresentação marcada para esta terça-feira (24) e paralisou as atividades do elenco principal por tempo indeterminado. Nos últimos dias, quatro dirigentes tiveram confirmação da covid-19.

A diretoria espera por atualização no quadro da pandemia para avaliar data de retorno.

O cronograma do Grêmio tinha retorno aos treinos previsto para esta terça, às 9h (horário de Brasília). Na sexta, jogadores e membros da comissão técnica foram ao CT para exames médicos e vacinação contra a gripe. Renato Gaúcho, liberado pela diretoria, ficou no Rio.

A decisão de suspender os treinamentos por tempo indeterminado era gestada na diretoria há dias. O clube gaúcho, no entanto, preferiu esperar até a véspera da data de reapresentação para confirmar. A postura norteou, também, a decisão de paralisar as atividades na semana passada. O Grêmio foi um dos últimos clubes brasileiros a liberar os jogadores.

No final de semana, quatro dirigentes do Grêmio tiveram resultado positivo para o novo coronavírus. Eduardo Fernandes, diretor das categorias de base, Cláudio Oderich e Marco Bobsin, integrantes do conselho de administração, e mais recentemente Romildo Bolzan Jr., presidente do clube.

O departamento médico do Grêmio afirma não ter casos suspeitos de covid-19 no elenco.

O Campeonato Gaúcho está suspenso até 31 de março, mas a FGF (Federação Gaúcha de Futebol) deve ampliar o prazo de paralisação nesta semana. A Copa Libertadores tem retorno estimado para 5 de maio, contudo também pode ver o período sem jogos aumentar.

Futebol