PUBLICIDADE
Topo

Dudu lamenta Libertadores sem Palmeiras x Corinthians na fase de grupos

Dudu treina no novo gramado artificial do Allianz Parque - Cesar Greco/Ag. Palmeiras
Dudu treina no novo gramado artificial do Allianz Parque Imagem: Cesar Greco/Ag. Palmeiras

Danilo Lavieri

Do UOL, em São Paulo

18/02/2020 18h45

Dudu lamentou a eliminação do Corinthians antes da fase de grupos na Libertadores. Em entrevista coletiva nesta terça-feira (18), o atacante do Palmeiras reforçou o que já havia dito durante a pré-temporada, em janeiro, quando manifestou o desejo de enfrentar o arquirrival.

Na semana passada, o time de Parque São Jorge ganhou de 2 a 1 do Guarani do Paraguai, mas foi eliminado no resultado agregado depois da derrota no jogo de ida.

"Ia ser legal para a competição, para o Estado, ia ficar mais charmosa ainda a competição. Eu esperava que eles fossem classificar, mas, infelizmente, eles não classificaram. Por exemplo, se o Inter passar vai pegar o Grêmio e vai ser bom para o Estado deles, para as duas equipes. Seria legal se o Corinthians tivesse classificado. Mas vamos ter a oportunidade de enfrentar no Paulista", afirmou o camisa 7.

Sem poder mirar um clássico na Libertadores, Dudu volta as atenções exclusivamente para o Estadual. Ao entrar em campo a partir das 21h30 de quinta, contra o Guarani, ele completará 300 jogos com a camisa do Palmeiras, fato raro para os dias de hoje.

Será a primeira partida dele no novo gramado, uma vez que ele não enfrentou o Mirassol no último domingo porque estava suspenso.

"Eu gosto bastante. Já tinha falado isso antes, até comentei que poderia fazer a grama como é a do Athletico-PR. Isso deixa o jogo rápido, isso é muito importante para nós. Só não é tão bom para os nossos zagueiros (risos). O estádio ficou bom e vamos jogar mais vezes no nosso campo. Esperamos que a gente se adapte o mais rápido possível", completou, para depois falar de sua marca pessoal.

"É bem difícil, né? Você vê grandes jogadores fazendo uma, duas temporadas. O último a completar 300 jogos foi há 15 anos. Eu vou ter essa oportunidade, estou muito feliz por isso. Tenho um contrato longo aqui e espero completar 400, 500 e quem sabe ir para 600 se renovar de novo", finalizou.

Palmeiras