PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Neymar desvaloriza R$ 380 mi, e Jesus vira brasileiro mais caro, diz estudo

Atacante brasileiro do PSG é o 19º da lista de valores estimados de transferência no futebol mundial - FRANCK FIFE/AFP
Atacante brasileiro do PSG é o 19º da lista de valores estimados de transferência no futebol mundial Imagem: FRANCK FIFE/AFP

Do UOL, em São Paulo

07/01/2020 11h12

Resumo da notícia

  • De 2019 para 2020, Neymar desvalorizou R$ 382,1 milhões e caiu de 3º a 19º
  • É o que indica relatório do "Observatório do Futebol" do CIES divulgado ontem
  • Estudo conta com 57 critérios, inclusive nacionalidade e tempo de contrato
  • Gabriel Jesus lidera entre os brasileiros e Mbappé é o líder mundial
  • Outros estudos não apontam tanta desvalorização no valor de Neymar

Um estudo divulgado ontem (6) pelo "Observatório do Futebol" do CIES (Centro Internacional de Estudos no Esporte, na tradução) indica uma desvalorização de R$ 382,1 milhões no valor estimado de transferência de Neymar dentro do período de um ano.

Em 7/1/2019 ele era o terceiro jogador mais caro do mundo, por 197,1 milhões de euros (R$ 837,5 milhões, na cotação da época). De acordo com o relatório de 6/1/2020, o valor caiu para 100,4 milhões de euros (R$ 455,4 milhões). Neymar é apenas o 19º da lista.

Essa oscilação de números e posicionamento do atacante do PSG faz com que Gabriel Jesus, do Manchester City, se torne o jogador brasileiro mais valorizado do momento segundo este estudo. Ele é o 11º do ranking, por 115,6 milhões de euros (R$ 524,4 milhões). Roberto Firmino, do Liverpool, e Richarlison, do Everton, também estão à frente do camisa 10 da seleção brasileira. Na sequência aparecem Philippe Coutinho, Alisson, Rodrygo, Vinicius Júnior, Fabinho e Arthur para formar o top 10.

O CIES é uma entidade especializada em análises estatísticas do futebol que divulga periodicamente rankings de campeonatos, clubes e jogadores. Este, sobre o valor estimado de transferência dos jogadores, leva em conta profissionais que valem mais de 50 milhões de euros nas cinco principais ligas do mundo (Alemanha, Espanha, França, Inglaterra e Itália). Assim, são 166 jogadores avaliados segundo critérios determinados pelos próprios pesquisadores (Raffaele Poli, Loic Ravenel e Roger Besson).

Alguns dos 57 critérios levados em conta neste levantamento científico são os seguintes: nível econômico do clube que detém os direitos do jogador, resultados do jogador em seu clube e na seleção, estatísticas de desempenho, idade, posição, liga em que atua, duração de contrato e até nacionalidade. A correlação entre os valores estimados e os valores reais de venda tem sido próxima de 75% nos últimos anos, de acordo com a entidade.

Outros estudos carregam informações diferentes. O site especializado "Transfermarkt", por exemplo, põe Neymar como o terceiro jogador com maior valor de mercado do mundo, por 160 milhões de euros (R$ 725,8 milhões). Gabriel Jesus é só o 46º, com valor estimado de 70 milhões de euros (R$ 317,5 milhões).

Quem lidera o ranking da CIES de janeiro de 2020 (assim como foi no ano passado) é Mbappé, do PSG, com valor estimado de 265,2 milhões de euros (R$ 1,2 bilhão). Sterling, do Manchester City, e Salah, do Liverpool, fecham o top 3 ao custo de 223,7 e 175,1 milhões de euros (R$ 1 bilhão e R$ 794,3 milhões, respectivamente). Os dois primeiros também lideram o índice do Transfermarkt.

Veja o top 10 de brasileiros com maior valor estimado de transferência:

1º Gabriel Jesus - 115,6 milhões de euros
2º Roberto Firmino - 111,5 milhões de euros
3º Richarlison - 104 milhões de euros
4º Neymar - 100,4 milhões de euros
5º Philippe Coutinho - 93,5 milhões de euros
6º Alisson - 87,6 milhões de euros
7º Rodrygo - 87,1 milhões de euros
8º Vinicius Júnior - 84,5 milhões de euros
9º Fabinho - 83,6 milhões de euros
10º Arthur - 75,8 milhões de euros

Hat-trick de Gabriel Jesus x Shakhtar Donetsk na Champions

Futebol