PUBLICIDADE
Topo

Jorge confirma saída do Santos e "expectativa grande" para voltar ao Monaco

Rafael Oliveira
Imagem: Rafael Oliveira

Beatriz Cesarini, Brunno Carvalho e Gabriel Carneiro

Do UOL, em São Paulo

09/12/2019 13h48

Jorge confirmou hoje (9) que não permanece no Santos em 2020. Eleito o melhor lateral esquerdo do Campeonato Brasileiro no Prêmio Bola de Prata, ele deixou claro na zona mista que tem intenção de voltar ao Monaco (FRA) após o final do empréstimo com o Peixe.

"O meu contrato acaba, e tenho que voltar para o Monaco. Tenho mais três anos de contrato e tenho que me reapresentar. Eles me querem de volta, e vou esperar lá o que vai acontecer futuramente", afirmou o jogador após receber seu prêmio.

O Monaco (FRA) pede 10 milhões de euros (cerca de R$ 45 milhões) para vender Jorge, que desperta interesse do Palmeiras. "Fico feliz com essas especulações, de Palmeiras e Europa, é o mérito do meu desempenho no futebol brasileiro em 2019. Então é entregar nas mãos de Deus e deixar ele resolver meu caminho e meu futuro", discursou o atleta, que falou em "expectativa grande" para voltar à Europa.

"Quando eu estava lá [no Monaco], aconteceram alguns episódios no clube, e eu pensei em voltar para o Brasil para aparecer novamente. Agora que terminei o Brasileiro bem, o próprio Monaco me quer de volta porque viu que eu evoluí. Agora é esperar o que tem pela frente. Se for Brasil ou Europa, espero ser feliz", disse Jorge.

Ele disputou 34 partidas pelo Santos neste ano, com dois gols marcados e algumas boas atuações. Mas a passagem ficou marcada por um desentendimento com o atacante Sasha, durante clássico contra o São Paulo, no qual chegou a agredir o companheiro.

Santos