PUBLICIDADE
Topo

Futebol


Grêmio deve antecipar férias do elenco antes da última rodada do Brasileiro

Lucas Uebel/Grêmio FBPA
Imagem: Lucas Uebel/Grêmio FBPA

Jeremias Wernek

Do UOL, em Porto Alegre

04/12/2019 04h00

Resumo da notícia

  • Grêmio disputa quarto lugar na classificação final do campeonato com o Athletico, de olho em prêmio maior
  • Vitória contra o Cruzeiro e tropeço do Furacão podem assegurar posição ao time de Renato
  • Com quarta posição garantida, treinador será liberado da última rodada do Brasileirão
  • Jogo de domingo, contra o Goiás, deve ser disputado por reservas e jovens do sub-20
Classificação e Jogos

O Grêmio deve antecipar as férias do grupo de jogadores. O uso de titulares está garantido no jogo contra o Cruzeiro, amanhã (5), mas diante do Goiás, domingo, a equipe tem tudo para ser reserva e até Renato Gaúcho deve ser liberado do duelo em Goiânia. Tudo depende da posição final do clube gaúcho na tabela do Campeonato Brasileiro e consequente premiação.

Com 62 pontos, o Grêmio disputa a quarta colocação com o Athletico, dono de 60 pontos. Ou seja, na penúltima rodada é possível que a briga esteja encerrada.

A motivação do Grêmio é financeira. O quarto lugar no Brasileirão de 2019 receberá R$ 28 milhões da CBF, enquanto o quinto colocado ganhará R$ 26,4 milhões.

O Athletico recebe o Santos hoje (4) e precisa ganhar para continuar em busca do quarto lugar. Se empatar ou perder, o Furacão deixa tudo nas mãos do Grêmio.

Caso o Grêmio seja favorecido pelo resultado em Curitiba e ganhe do Cruzeiro, os titulares de Renato Gaúcho serão liberados da partida diante do Goiás. Neste cenário, uma equipe formada por reservas e jovens da base deverá atuar no Serra Dourada. Nem mesmo Renato Gaúcho irá a Goiânia, caso o quarto lugar seja garantido na 37ª rodada.

"Faço o jogo de quinta-feira e depois tenho outra conversa com o presidente", disse Renato.

Se o Athletico vencer, a disputa particular segue até a última rodada e os titulares do Grêmio serão escalados para viagem e partida contra o Goiás. Na última rodada, a equipe paranaense visita o Avaí, já rebaixado, no estádio da Ressacada.

Matematicamente, o Grêmio também tem chance de ser terceiro. Para isso, o time gaúcho precisa vencer os dois jogos restantes e depender de duas derrotas do Palmeiras. Apesar da possibilidade, o plano mais concreto é garantir a quarta posição.

Futebol