Topo

UOL Esporte vê TV


Rafinha lamenta poucas chances na seleção: "Eu teria agregado muito"

Rafinha comemora um dos gols do Flamengo sobre o Vasco em clássico - Allan Carvalho/AGIF
Rafinha comemora um dos gols do Flamengo sobre o Vasco em clássico Imagem: Allan Carvalho/AGIF

Colaboração para o UOL, em São Paulo

02/12/2019 23h27

Convidado especial do Bem, Amigos!, do SporTV, de hoje (2), o lateral direito Rafinha, do Flamengo, falou sobre a possibilidade de voltar a ser convocado para a seleção brasileira. O jogador lamentou as poucas chances que teve na equipe nacional nos últimos anos e afirmou não entender os critérios dos treinadores.

"Eu estou preparado para a seleção. Sempre estive preparado lá na Alemanha. Se a oportunidade chegar agora, vou representar da melhor maneira possível. Mas, a minha prioridade agora é o Flamengo. Eu tive poucas oportunidades na seleção brasileira. Mesmo com o Dani Alves e o Maicon sempre jogando muito bem, teve momentos em que eu tinha esperança de ter mais oportunidades", declarou.

Rafinha falou de um momento específico em que esperava por mais oportunidades: quando foi treinado por Guardiola e teve mais chances como titular no Bayern de Munique.

"Em 2013, 14 e 15, que foram os anos que eu mais joguei, quando o Guardiola estava, eu era convocado no máximo uma vez. Não tinha sequência. Assim, é difícil mostrar alguma regularidade. Tenho certeza que eu poderia ter agregado muita coisa boa à seleção brasileira se eu tivesse ido, até pela minha experiência. Não sei quais os critérios que os treinadores usam", completou.

UOL Esporte vê TV