Topo
Comprar ingresso
Comprar ingresso

Volta de Guerrero à Arena ainda mexe com torcedores do Corinthians

Eder Traskini

Colaboração para o UOL, em Santos

18/11/2019 04h00

O empate do Corinthians em 0 a 0 com o Internacional na noite de ontem (17), pela 33ª rodada do Campeonato Brasileiro, teve a presença do atacante Guerrero atuando novamente na Arena Corinthians, mas com a camisa do Colorado. Cena que ainda mexe com os corintianos.

Nas redes sociais, os torcedores não esconderam que ainda dói ver o centroavante que fez o gol do título mundial do Corinthians, contra o Chelsea em 2012, vestindo outras cores, principalmente enfrentando o Timão.

Já no estádio, o atacante não escapou de ser vaiado, ainda que de forma tímida, pelo torcedor que esteve presente, principalmente quando entrou no jogo, na segunda etapa, e na chance de gol que teve, cabeceando por cima.

O centroavante peruano deixou o Corinthians em 2015 após não chegar a um acordo pela renovação de seu contrato. Questionado sobre o tema, ele minimizou as vaias e falou sobre a felicidade de voltar ao estádio.

Foi lindo voltar, tenho muito respeito pelo Corinthians. Em 2015 o Corinthians não me via como algo importante e tive que ir para uma equipe que me via como importante. Não posso falar que é ingratidão, cada um tem sua opinião e eu respeito. Tranquilo. Não tenho nada pra falar, nem recriminar ninguém. Agradeço ao Corinthians por ter dado a oportunidade de jogar aqui. Não tenho opinião a respeito."

Você prefere Guerrero ou o trio Boselli, Gustagol e Vagner Love?

Resultado parcial

Total de 1503 votos
76,98%
23,02%
Total de 1503 votos

Coelho afirma que mudou Corinthians

O Timão chutou apenas uma bola no gol durante o primeiro tempo. No entanto, o time não ficou atrás por filosofia: a equipe de Coelho tentou criar as jogadas, mas esbarrou na marcação alta do Inter que dificultou a saída de bola. Na segunda etapa, com alterações do treinador, o time melhorou e levou perigo ao adversário. Coelho, que disse que não está preparando o time para Tiago Nunes, afirmou que mudou o Corinthians.

Tem que ter paciência, e tem que dar moral, precisa dar situação de jogo. Nós mudamos o clube, hoje o Corinthians joga pra frente, mas tem que ter paciência e ir até o final".

Fágner rasga camisa, coloca para dentro do calção e web não perdoa

O lateral corintiano teve sua camisa rasgada durante a partida na barra traseira, mas não precisou trocar pois não atrapalhava a ver os números. Com uma tira de tecido pendurada, Fágner resolveu subir o calção para prendê-la por dentro e virou motivo de brincadeiras nas redes.

O que vem por aí

O técnico Dyego Coelho terá a semana livre para preparar o Corinthians para o próximo duelo, no domingo, às 16h, contra o Botafogo, no Engenhão, no Rio de Janeiro. O Timão precisa de uma vitória e um tropeço do Internacional para entrar já na próxima rodada no grupo dos times que se classificam para a Copa Libertadores da América.

Corinthians